Bebês

Afinal, qual é a melhor posição para o bebê dormir?

Tem que tomar cuidado com a respiração dele e evitar refluxo

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: iStock)

(Foto: iStock)

O entendimento do que é melhor para o bebê muda de tempos em tempos. Nos anos 1970 e 1980, o certo era o neném, desde recém-nascido, dormir de barriga para baixo. Entendia-se, naquele momento, que isso ajudaria a coluna a se fortalecer e a cabeça a se firmar melhor sobre o pescoço.

Hoje, a orientação é exatamente o oposto. A posição certa para o bebezinho dormir e passar a noite é de barriga para cima! A explicação faz sentido. De lado ou de bruços, ele respira o mesmo ar que expirou. Cheio de gás carbônico e com pouco oxigênio, o que não é bom para o funcionamento do corpo e pode, em última instância, ser um facilitador para a síndrome da morte súbita.

Para evitar o refluxo, que pode incomodar algumas crianças, basta elevar o colchão do berço e deixar a cabeça mais alta que os pés. E você só precisa se preocupar em não deixar seu filho adormecer de barriga para baixo até os 4 meses. Depois disso, caso ele vire, consegue sozinho desvirar, e o risco vai todo embora.

Anúncio

FECHAR

 

Leia também:

“Assim são meus dias: com a criança mais maravilhosa do mundo!”, conta Magali Rodrigues

Pais adotivos passam a ter os mesmos direitos que pais biológicos

Em caso de abandono de um dos pais, a indenização é um direito?

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não
Envie sugestões
×

Envie suas sugestões