Especiais

“Descobri que ganhei um ponto fraco para o resto da vida”, diz Fábio Rabin sobre paternidade

Jade Lourenção

Jade Lourenção ,Filha de Rosana e Ricardo

Créditos: Juliana Nunes

Créditos: Juliana Nunes

O ator e comediante Fábio Rabin Copeliovitch deixou seu programa de TV para passar mais tempo com a filha, Beatriz, seu grande ponto fraco. Fábio já trabalhou em canais como MTV, TV Bandeirantes e Multishow e faz todo mundo rir com seus espetáculos de stand up. Ele respondeu 20 perguntas para sabermos um pouco mais sobre sua vida. Veja:

 O melhor de ser pai é…

descobrir a felicidade em coisas simples, como ganhar um abraço ou até mesmo levar um golpe gratuito e pensar: poxa, ela está forte!

Anúncio

FECHAR

 O pior de ser pai é… 

descobrir que ganhei um ponto fraco para o resto da vida. Minha filha é meu calcanhar de Aquiles. Inclusive quando  for namorar… 🙁

 É melhor ser pai ou ser filho?

Acho que é melhor ser filho, não há nada melhor que a infância.

 Sua culpa como pai…

são os momentos que perdi sem minha filha, ora trabalhando, ora por estar distraído com qualquer coisa banal…

 Você não tem culpa nenhuma quando…

A questão de número 5 diz: Você não tem culpa nenhuma quando… Não consegui pensar numa resposta, talvez por ser judeu…

 Qual sua definição de felicidade?  

Uma somatória boa de momentos poéticos, de percepção e apreciação da vida. Acontece muito quando estou com Beatriz…

 O papel do pai é… 

ensinar, divertir, proteger e acima de tudo ser um porto seguro.

 Você sente que sua companheira está arrasando quando… 

demonstra mais sensibilidade do que eu e faz coisas de menina com a minha filha! Nessas horas vejo a importância da mãe.

 Qual seu estado de espírito agora? 

Agora estou entre calma e apreensão.

 Pai também é gente quando…

você está no restaurante e deveria ter o direito de pedir a comida que quer… Isso não é justo!

 Você tem um herói da vida real? 

Meu herói é meu pai. Ele tem quase 80 anos e ainda tem dois empregos. Não sei se ele ama tanto assim trabalhar ou se é pra ficar longe da minha mãe.

 Se você não fosse você, quem gostaria de ser?  

Se eu não fosse eu, gostaria de ser um bebê e começar tudo de novo.

 Qual foi o livro que marcou sua vida? 

Muitos, dentre eles o A Preparação do Ator, do Stanislavski.

Essa bíblia da atuação, além de ter tudo, mostra o quão normal é se sentir inseguro em cena.

 O paraíso é… 

numa praia, com certeza, não é dentro de mim, não… Rs.

 O inferno é…

ver a minha filha doente, minha criatividade escassa, ficar longe do palco, longe do mar, discutir com a esposa.

 Minha família é… 

um fardo que me equilibra, me motiva e me faz ser alguém melhor.

 O que mais aprendi com meus pais…

que dinheiro é muito importante… rs brincadeira. Aprendi que os bons momentos ficam marcados da mesma forma que os ruins.

Me sinto um superpai quando… 

estou no mar com minha filha e ela desafia as ondas ao meu lado.

 O que quero deixar para os meus filhos…

Quero que ela seja feliz (desculpa repetir isso, mas é necessário) e emane isso também.

 Onde quero estar daqui 10 anos…

Ao lado da minha filha, com 14 anos. Quero estar saudável e que ela surfe comigo.

Leia também:

20 perguntas para: Danni Suzuki
37 perguntas divertidas para iniciar uma conversa com seu filho
20 respostas sobre amamentação que toda mãe deve saber

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não
Envie sugestões
×

Envie suas sugestões