Alergias de pele no bebê: saiba quais cuidados ter e quatro produtos para evitar o problema

As alergias de pele costumam trazer um incômodo para o bebê, podendo afetar até mesmo o sono. Por isso, te contamos algumas dicas de ouro para mantê-las longe da sua família

Resumo da Notícia

  • No início da vida, o sistema imunológico ainda não está desenvolvido
  • A boa notícia é que dá para driblar esse problema com alguns hábitos simples em casa
  • Entenda as características de cada uma das alergias de pele mais comum nos bebês

Uma coceirinha ali, outro incômodo aqui são suficientes para tirar qualquer pai ou mãe dos eixos. Justamente por ainda terem o sistema imunológico imaturo e a pele mais fina e sensível, os bebês possuem um risco maior de desenvolverem alergias cutâneas.

-Publicidade-

A maioria dos casos costuma acontecer ainda nos primeiros meses de vida, pois é o momento que o bebê faz contato com substâncias e ambientes diferentes. A atenção à saúde deve ser redobrada, mas a boa notícia é que dá para prevenir as alergias de pele com alguns cuidados simples.

Sinais de que o bebê pode estar com alergias de pele

  • Pele seca, escamosa, áspera ou úmida
  • Pequenas bolhas ou caroços
  • Manchas vermelhas na pele
  • Ardência
  • Coceira
As alergias no bebê costumam aparecer ainda nos primeiros meses de vida (Foto: Getty Images)

Alergias de pele mais comuns em bebês

Dermatite atópica: é uma doença crônica, que deixa a pele seca e inflamada, e tem como principal sintoma a coceira. Geralmente, costuma aparecer ainda nos primeiros anos de vida da criança, em maior frequência se os pais tiverem asma, rinite ou a própria doença. Fatores ambientais e também psicológicos podem desencadear a condição.

Dermatite de contato: também conhecida como eczema, é uma inflamação da pele causada pelo contato com uma substância irritativa ou alérgica. Apesar de ter quadros e gravidades diferentes, os sintomas mais comuns são as lesões vermelhas ou bolhas, acompanhadas por ardência e queimação.

Dermatite seborreica: essa inflamação costuma causar descamação e vermelhidão nas áreas do rosto, como sobrancelhas, cantos do nariz, orelhas e couro cabeludo. Nos recém-nascidos, a condição também é conhecida como crosta láctea e ela é inofensiva e temporária.

Brotoejas causadas pelo clima: apesar de serem mais comuns no verão, elas também podem aparecer no inverno pelo uso excessivo de roupas, causando a obstrução dos poros e impedindo a saída de suor. Os principais sintomas são pequenas bolhas, geralmente nas dobras do pescoço e rosto, causando coceira e queimação.

Dermatite de fralda: também conhecida como assadura, o problema pode causar bastante incômodo e até mesmo atrapalhar o sono do bebê. Na maioria das vezes, ocorre pelo contato do xixi e cocô retidos nas fraldas.

Como evitar o problema

  • Na lavagem das roupas, use produtos sem corantes, fragrâncias e substâncias irritativas
  • Mantenha as unhas do bebê sempre limpas e aparadas
  • Vista o bebê com roupas adequadas ao clima e sem excessos. Prefira os tecidos de algodão
  • Evite produtos com cheiros fortes e que não sejam adequados para a pele do bebê
  • Se estiver amamentando, mantenha uma alimentação equilibrada e adequada. Converse sempre com o pediatra!
  • Quais produtos usar para prevenir as alergias de pele
A boa notícia é que dá para driblar as alergias de pele no bebê (Foto: Shutterstock)

A Granado se preocupa (e muito!) com a saúde da pele do bebê e desenvolve produtos com muito carinho para manter esse cuidado. Confira abaixo alguns itens que podem ajudar a prevenir as alergias de pele:

Talco em Gel

Pode ser usado por todo o corpo do bebê e ajuda a prevenir e aliviar coceiras, brotoejas e assaduras. O conforto é imediato e mantém a pele seca e protegida. Formulado com ceramidas, alantoína, D-pantenol, squalane, óxido de zinco e proteínas do trigo, da aveia e amêndoa doce, o produto foi desenvolvido especialmente para atender às necessidades de peles sensíveis, inclusive de recém-nascidos. O talco em gel da Granado é livre de parabenos, corantes, perfume, óleo mineral, silicones, álcool etílico e ingredientes de origem animal.

Talco em gel da Granado (Foto: Divulgação)

Sabonete Líquido Bebê

Formulado com glicerina vegetal, ele limpa com suavidade e deixa a pele do bebê ainda mais macia e perfumada. É muito importante que a família fique de olho na higiene, afinal, é uma das maneiras de evitar que bactérias possam agravar ainda mais problemas como as alergias. É especialmente desenvolvido para a pele delicada e é livre de parabenos e ingredientes de origem animal.

Sabonete líquido bebê da Granado (Foto: Divulgação)

Creme contra Assaduras

O creme contra assaduras dermocalmante da Granado repara a pele do bebê e traz alívio rápido e conforto imediato. Possui uma versão de 50g e também de 300g, oferecendo mais praticidade para a família. Além de ter toque seco, espalha superbem e é fácil de remover. É formulado com 40% óxido de zinco, oferecendo uma potente ação secativa. Também é enriquecido com D-pantenol, alantoína, óleo de amêndoa doce, proteínas do trigo, da aveia e amêndoa doce e vitamina E. Pediátrica e dermatologicamente testados. Sem perfume, corantes e parabenos e livre de ingredientes de origem animal.

Creme contra assaduras da Granado (Foto: Divulgação)

Loção Hidratante Dermocalmante Bebê

O hidratante é um item indispensável nos cuidados com a pele do bebê! Ele hidrata profundamente e restaura a barreira protetora. Vale lembrar ainda que, além de trazer a sensação imediata de maciez, ajuda a aliviar coceiras e vermelhidão. É indicado para recém-nascidos e atende às necessidades das peles mais sensíveis. É hipoalergênico, dermatologicamente testado e livre de parabenos, corantes, perfume, óleo mineral e ingredientes de origem animal.

Loção Hidratante Dermocalmante Bebê da Granado (Foto: Divulgação)