Bebês

Bebê com morte cerebral ressuscita e surpreende toda a equipe médica

Você não vai acreditar no antes e depois dessa criança! Veja a foto

Jéssica Anjos

Jéssica Anjos ,filha de Adriana e Marcelo

bebê-declarado-com-morte-cerebral-sobrevive

Kaleb com 10 dias no Hospital Rainbow (Foto: reprodução / Mirror)

Os pais de Kaleb Crook se despediram dele em setembro de 2017, porque a criança recebeu ZERO chances de sobrevivência dos médicos após eles decretarem morte cerebral. Só um milagre poderia salvar o pequeno bebê, disse um dos especialistas, segundo o jornal britânico Mirror.

Becki e Phill, pais do bebê, foram informados de que a criança teria danos cerebrais extensos depois de faltar oxigênio no cérebro durante o parto. Os dois disseram adeus ao filho no dia 10 de setembro de 2017, quando o filho tinha apenas 10 dias de nascido. Após a decisão dos médicos de retirar todo o cuidado que a criança recebia, Kaleb foi transferido para um hospital especializado em tratamentos para o fim da vida.

Mas o que aconteceu ninguém conseguiu explicar, depois que o corpo médico desligou os aparelhos da criança ele, milagrosamente, continuou a respirar sozinho e até conseguiu apertar o dedo da mãe. E apesar de todo o diagnóstico contrário, Kaleb sobreviveu e está em casa para passar o Natal com sua família.

(Foto: reprodução / Mirror)

Kaleb e a irmã mais velha, Eden (Foto: reprodução / Mirror)

Becki disse em entrevista ao jornal que tiveram que preparar todo o tratamento para a partida do filho no Hospital Rainbows. “Foi um processo doloroso depois de ouvir dos médicos que Kaleb tinha um dano cerebral catastrófico e provavelmente iria morrer em breve”.

Segundo a mãe, a sensação era de estar de mãos atadas. “Eu não podia acreditar no que tinha acontecido com a nossa gravidez que foi perfeita. Fomos informados de que ele só viveria por alguns minutos. Então eu o segurei com muita força em meus braços logo após o nascimento”, relembrou Becki.

(Foto: reprodução / Mirror)

A família de Kaleb (Foto: reprodução / Mirror)

Meu filho deu o aperto mais fraco no meu dedo e olhou para mim, como se dissesse: ‘Vai ficar tudo bem, mãe'”, contou a britânica. Agora, apesar de Kaleb ter muitas necessidades por conta das lesões no cérebro, a mãe comentou que ele ama sorrir. “Especialmente quando ouve a voz da irmã”, disse.

Becki disse que a família jamais vai esquecer este Natal, porque o filho sobreviveu e se tornou o maior presente da família. “Nossa esperança é que Kaleb experimente felicidade e paz, e que seja capaz de se desenvolver com saúde”.

(Foto: reprodução / Mirror)

Kaleb agora com 1 ano e 3 meses e a mãe Becki (Foto: reprodução / Mirror)

Quero que meu filho saiba o quanto é amado“, comentou a mãe ao jornal. Apesar do diagnóstico de Kaleb não ser completamente transparente – porque os médicos ainda não têm absoluta certeza do quão grave são os danos cerebrais para o desenvolvimento da criança – a família não poderia estar mais feliz com sua sobrevivência.

“Ninguém sabe o que o futuro reserva para Kaleb, mas no momento ele escolheu viver”, contou a mãe emocionada.

 

(Foto: reprodução / Mirror)

Kaleb se diverte muito com a irmã Eden (Foto: reprodução / Mirror)

Leia também:

Você viu? Bebê britânico sobrevive após aparelhos serem desligados

Vídeo: bebê sobrevive após pilotar uma moto sozinho

Bebê sobrevive 14 dias no útero após nascimento de irmã gêmea