Bebê se enforca com mochila dentro de creche no Rio Grande do Sul

O bebê de 1 ano e 3 meses foi levado ao hospital e está com quadro irreversível segundo a Polícia Civil de Canoas

Resumo da Notícia

  • Bebê se enforcou com mochila dentro de creche no Rio Grande do Sul;
  • A criança foi encaminhada ao hospital após perder os sentidos;
  • A creche recebeu a visita dos peritos para examinar o local.

Na tarde desta terça-feira, 21, um menino de 1 ano e 3 meses se enforcou na alça de uma mochila na creche que frequenta em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, conforme informações da Polícia Civil. 

-Publicidade-

Seegundo a direção pedagógica da creche, que é particular, a criança perdeu os sentidos após se enganchar no acessório. Ele teria ainda rodado com a alça no pescoço. Ele foi hospitalizado às pressas. Segundo a família e a Polícia Civil, ela está em estado gravíssimo e considerado irreversível pelos médicos.

Segundo a direção da escola, a mochila estava pendurada, e o menino se enganchou no acessório
Segundo a direção da escola, a mochila estava pendurada, e o menino se enganchou no acessório (Foto: iStock)

A escola infantil informou as autoridades que haviam mais crianças na sala, que estavam sendo assistidas por profissionais. No entanto, a escola não confirma quantas crianças e quais profissionais estavam no local.

O delegado responsável pelo caso, Pablo Rocha, informou em nota da Polícia Civil que o inquérito consta lesão corporal culposa, ou seja, sem intenção. Pablo ouviu a diretora e a professora da escola informalmente, e também familiares da criança. A creche passou por perícia do Instituto Geral de Perícias do RS (IGP-RS).

Nesta quarta-feira, 22, o espaço permaneceu fechado, em respeito à família da criança. A escola infantil informou ao G1 que tem reunião com o Conselho Municipal de Educação durante a tarde e registrou o boletim de ocorrência logo após o incidente.