Bebê sofre queimadura grave durante banho em maternidade no Ceará

A criança foi encaminhada para a UTI do Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza depois de uma grave queimadura na perna

Resumo da Notícia

  • Um recém-nascido sofreu uma grave queimadura na perna durante um banho em uma maternidade no Ceará
  • A avó do menino de apenas 3 dias de vida contou ao G1 que a família estava esperando o resultado de alguns exames para levá-lo para casa
  • A prefeitura local também se pronunciou sobre o ocorrido

Um bebê de apenas 3 dias de vida ficou com a perna gravemente ferida depois de se queimar com a água do banho da maternidade, no Ceará. A família contou ao G1 que estava no hospital apenas esperando resultados de exames para levar o menino para casa. Agora, devido à gravidade do ferimento, ele foi encaminhado para a UTI do Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza.

-Publicidade-

A Prefeitura de Alquiraz confirmou que este foi um caso isolado, e que a funcionária responsável já foi afastada. Além disso, garantiu que “o bebê será acompanhado de perto e que ele terá todo apoio hospitalar necessário para o tratamento”.

A avó do recém-nascido, Luzirene de Freitas, conta que viu as queimaduras enquanto estava com a mãe – após o menino ter sido levado para o banho por enfermeiras do local. “A gente estava no hospital desde segunda quando ela (a filha) ganhou o bebê. Hoje, cinco da manhã, uma enfermeira deu banho nele. Depois entregou o menino e foi embora. Enxuguei ele, ele mamou e quando foi 9h ele chorou. Depois foi que vi as bolhas na perna da criança”, contou ela.

O menino foi levado para a UTI (Foto: Reprodução/ G1)

O menino foi logo encaminhado para uma consulta com uma pediatra. Posteriormente, ele foi transferido para um hospital que é referência em tratamento de queimaduras. Em nota, também divulgada ao G1, a Prefeitura se pronunciou sobre o ocorrido.

“Esse fato isolado não condiz com atual credibilidade da maternidade de Aquiraz, na qual aumentou o número de partos em 210% em relação ao mesmo período do ano passado. Isso demostra a confiança das mamães aquirazenses em ter seus bebês no município. A Prefeitura de Aquiraz salienta que todos os funcionários do quadro obstétrico da maternidade irá passar por uma reciclagem para que um fato como esse não venha ocorrer novamente”.]