Boa notícia! Bebê vence coronavírus após cerca de 40 dias: “Deus me deu ele duas vezes”

Heitor tinha apenas três meses quando deu entrada no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), referência no tratamento do novo coronavírus em Recife

Resumo da Notícia

  • Bebê de pouco mais de três meses se recupera do novo coronavírus após 37 dias internado
  • Ele teve duas paradas cardiorrespiratórias, infecções e precisou ser entubado
  • Após as dificuldades, Heitor recebeu alta com aplausos da equipe médica
(Foto: Getty Images)

Foram quase 40 dias de angústia, medo e UTI. “Por um momento, achei que ele não iria resistir, mas estava sempre ali, pedindo a Deus”, desabafa Maria José, em entrevista ao G1, mãe do pequeno Heitor, de menos de três meses de vida e que teve Covid-19.

Tudo começou quando o bebê tinha apenas três meses e deu um susto na mãe, que teve que sair às pressas de Serra Talhada, no Sertão, para levá-lo ao Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), referência no tratamento do novo coronavírus em Recife.

“Ele passou por uma grande luta contra a Covid-19, uma doença que está levando muitas vidas. Ver ele na UTI, cheio de aparelhos, tomar vários remédios, me deu uma tristeza enorme”, ela confessou na entrevista.

Segunda chance

Não é só a mãe do bebê que acredita em segunda chance. Para os médicos que cuidaram de Heitor a recuperação dele é considerada vitória. “Logo que ele chegou, mostrou que era um paciente muito grave. Ele parou logo, durante a entubação. Foi uma parada rápida, mas foi uma parada cardíaca“, lembra a médica Cláudia Abreu.

Durante os 37 dias, o bebê teve duas paradas cardiorrespiratórias, foi entubado e teve infecções, segundo o portal. “Durante esse tempo, desafiou a gente todos os dias. A gente ficava preocupado a cada dia, porque é uma doença que está sendo descoberta e é uma doença que mata”, a especialista completa.

“Vê-lo saindo, para nós, foi uma conquista enorme. Foi como se estivesse passando um filme na minha cabeça dos momentos que a gente vivenciou com ele. Foi o resultado de uma grande equipe trabalhando com muito compromisso, com desejo de dar certo”, a médica entrega.

Momento em que o bebê recebeu alta (Foto: Reprodução / G1 / WhatsApp)

Aplausos

“Ver que ele foi curado me traz uma felicidade enorme, pois Deus me deu ele duas vezes”, a mãe comemora a alta de Heitor.

A alta do bebê foi comemorada com muitos aplausos pelo hospital e sorrisos dos funcionários. “É uma celebração da vida. Quando a gente está diante de um momento de tanta dúvida, entre a vida e a morte, entre certezas e dúvidas do que estamos vivendo”, reflete a fonoaudióloga Helena Pinto, parte do grupo que organizou a homenagem ao Heitor.

Maria José com Heitor (Foto: Reprodução / G1 / WhatsApp)

 

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!