Como proteger seu filho das brotoejas de calor

Com uma coceira aqui e outra ali, é preciso ficar de olho na saúde da pele da criança. Para aliviar e manter o problema bem longe, te contamos o que fazer e como você pode identificá-lo

Resumo da Notícia

  • Saiba como aliviar a coceira do seu filho
  • Veja por que as brotoejas de calor podem aparecer
  • Entenda como prevenir e evitar o problema

Nem sempre as bolinhas vermelhas no corpo do seu filho podem ser alergia, por isso, é importante ficar de olho! Por causa do calor e da dificuldade do corpo em eliminar o suor, as brotoejas surgem e a coceira começa. Mas nada de pânico! Com algumas dicas (simples!) te ajudamos a prevenir o problema e a entender como ele pode aparecer.

-Publicidade-
A dificuldade em eliminar o suor no calor faz com que as brotoejas apareçam (Foto: Shutterstock)

Mas afinal, o que são as brotoejas?

De acordo com a Sociedade Brasileira de Dermatologia, o problema tem como nome científico “miliária”. Por causa de uma inflamação nas glândulas sudoríparas, que impedem a saída do suor pelo corpo, pequenas bolhas vermelhas aparecem no tronco, pescoço, axilas e dobras da pele do bebê ou criança. Vale lembrar que o problema também pode surgir em adultos, apesar de ser mais difícil. 

Quais são os sintomas?

Por causa do suor excessivo, as brotoejas podem aparecer de forma repentina, deixando vários pais preocupados. Dentre os sintomas mais comuns, é possível notar erupções, manchas vermelhas, bolhas e até mesmo bastante coceira

-Publicidade-
Saiba quais são as dicas de ouro para evitar o problema (Foto: Shutterstock)

As brotoejas apareceram. O que fazer? 

Felizmente, na maioria dos casos o problema costuma desaparecer sozinho quando o calor diminui. Como os fatores ambientais estão bastante relacionados à causa, você pode optar por colocar roupas com tecidos mais leves no seu filho como, por exemplo, as de algodão, aumentar a frequência dos banhos, mas sempre com água morna ou fria para não ressecar a pele, e ainda deixar o ambiente dentro de casa bem arejado. 

Dá para evitar?

Sim! Nos dias mais quentes, a Sociedade Brasileira de Dermatologia indica que as atividades que aumentem a transpiração sejam diminuídas, além de manter os ambientes frescos e arejados.

O talco dermocalmante foi desenvolvido para as peles mais sensíveis (Foto: Divulgação)

Para te ajudar nessa missão, é possível utilizar ainda o talco em gel da Granado. Com uma fórmula dermocalmante para peles sensíveis, o produto pode ser aplicado durante a troca de fraldas, ou após o banho, por todo o corpo. Além de deixar a pele seca e protegida, previne e alivia coceiras, assaduras e as tão temidas brotoejas.

-Publicidade-