Enfermeiras transformam bebês em atletas olímpicos com roupas de crochê

Os recém-nascidos ficaram lindos se usando vestimentas inspiradas em diversas modalidades esportivas

Resumo da Notícia

  • Enfermeiras da maternidade fizeram roupas de crochê especiais para comemorar o inicio das Olimpíadas no Hospital Saint Luke's em Kansas City, em Missouri, nos Estados Unidos.
  • O hospital chamou os bebes de "mini equipe dos EUA"
  • As roupas feitas a mão agregam uma variedade de esportes, como natação, levantamento de peso, boxe, basquete, ginástica e tênis.

Recém-nascidos receberam roupas de crochê inspiradas nas Olimpíadas pelas enfermeiras da maternidade do Hospital Saint Luke’s em Kansas City, em Missouri, nos Estados Unidos. Os pais ficaram surpresos ao verem o quanto os bebês ficaram fofos ao serem transformados em atletas. Uma maneira do hospital comemorar a Cerimonia de abertura dos jogos, que ocorreu na sexta-feira, dia 23 de julho, em grande estilo.

-Publicidade-
Hospital Saint Luke’s apresenta a “mini equipe americana”. (Foto: Reprodução/ Facebook)

“Nossos treinadores especializados em Saint Luke’s passaram a tocha para dar o pontapé inicial na celebração olímpica e reconhecer nossos bebês mais novos com a medalha de ouro”, disse o hospital em um comunicado à imprensa.

Saint Luke’s chamou os bebês de “mini equipe dos EUA”. Eles contaram que as enfermeiras ajudaram a criar as roupas de crochê feitas a mão com uma variedade de esportes, como natação, levantamento de peso, boxe, basquete, ginástica e tênis. Para eles, os recém-nascidos seriam os “atletas” e os pais os “juízes”, que vão dar aos filhos a pontuação perfeita.

As roupas foram feitas a mão pelas enfermeiras e os pais vão poder levar para casa. (Foto: Reprodução/ Facebook)

“As multidões (as famílias) estavam animadas por fazer parte da cerimônia especial e poderão levar as roupas feitas à mão para casa com eles”, afirmou o hospital. “Eles treinaram 9 meses por esse momento. Apresentamos aqui uma mini equipe dos Estados Unidos no Hospital Saint Luke’s East.”