Bebês

Fabiana Justus mostra como estão as filhas gêmeas e compartilha texto sobre o que é ser mãe

Chiara e Sienna nasceram em fevereiro

Giovanna de Boer

Giovanna de Boer ,filha de Karen e Christiano

(Foto: Reprodução/ Instagram @fabianajustus)

Fabiana Justus publicou no Instagram um clique maravilhoso com as filhas gêmeas. Na legenda, a mãe disse um pouquinho sobre o que é ser mãe para ela. Chiara e Siena nasceram dia 12 de fevereiro e têm quatro meses de vida!

“Ser mãe é acordar todos os dias sendo presenteada por Deus” Minha mãe sempre me disse isso, e eu só entendi o real significado dessa frase quando as meninas nasceram! No meu caso, Deus foi tão generoso que me deu dois presentes de uma vez! 🥰 E é por isso que eu acordo todos os dias agradecendo e vou dormir todos os dias agradecendo! Amor maior do mundo!

(Foto: Reprodução/ Instagram @fernandabozzafotografia)

A segunda filha mais velha do apresentador Roberto Justus, tem 32 anos, e é uma das sócias de uma rede de roupas fast fashion conhecida como Pop Up Store. A empresária deu á luz as gêmeas em fevereiro, e as meninas são frutos do relacionamento de Fabiana com o administrador Bruno D’Ancona.

Chiara e Siena nasceram em fevereiro (Foto: Reprodução/ Instagram @fabianajustus)

Quando as meninas nasceram, a mãe compartilhou essa linda foto e escreveu: “Não tenho palavras para descrever esse momento! MINHA FAMÍLIA 🙏🏻💙😱!! Dia mais especial da minha vida!!!

Durante um evento promovido pela Alô Bebê em parceria com a MeTwo, Fabiana Justus, que é a embaixadora da novidade, abriu o coração e falou sobre sua experiência com as gêmeas, que têm pouco mais de um mês de vida.

“Quando eu fiz meu primeiro tratamento, engravidei e perdi, eu fiquei muito mal. Vocês podem imaginar, porque meu sonho era engravidar. E já era um perrengue, estava com hormônios à flor da pele. E eu me perguntava o por quê disso estar acontecendo comigo. O segundo tratamento não deu certo. No terceiro, vieram as duas. Quando elas nasceram eu pensei: ‘que bom que eu perdi a primeira, que bom que não deu certo a segunda – eu até me arrepio quando falo isso -, que bom que eu precisei fazer o tratamento, porque era pra ser elas, era pra ter esse momento, pra eu poder falar sobre isso e ajudar muita gente’”, ela disse.

Durante o bate-papo, que reuniu várias mães de gêmeos e múltiplos, ela falou sobre a dificuldade de amamentar e como sempre foi muito desencanada com isso. “A amamentação já é difícil, e com gêmeas é mais intenso. Ter que amamentar as duas meio que ao mesmo tempo não dá descanso para o peito. Eu queria muito, mas estava tranquila se não conseguisse e tivesse que usar fórmula. Acho que isso me ajudou também”.

Fabi disse que teve questões e dúvidas que teve desde a gestação, mas que agora que as meninas nasceram, ela tenta entender como cada uma é e como elas são em dupla. “Você tem que olhar para cada uma separadamente, mas para as duas como dupla também. Eu quero ter a conexão com cada uma, o momento especial com cada uma. E não é fácil, é muito importante ter ajuda, ter amparo”.

Leia também: 

Ticiane Pinheiro e Rodrigo Faro descobrem nova função para a barriga da apresentadora

Neto de Roberto Justus faz 1 ano e decoração da festa deixa seguidores impressionados

Gêmeos idênticos assumem a paternidade da mesma criança e história é de dar nó na cabeça