Mãe é criticada na internet por colar tatuagens falsas no filho pequeno: “Vai virar bandido”

Shamekia Morris é designer de moda e obcecada por tatuagens, tanto que fez questão de colar algumas falsas no filho desde que tinha 6 meses. Porém a mãe foi muito criticada na internet pelas tatuagens falsas no filho

Resumo da Notícia

  • Shamekia Morris é designer de moda e obcecada por tatuagens
  • A mulher fez questão de colar algumas falsas no filho desde que tinha 6 meses
  • Porém a mãe foi muito criticada na internet pelas tatuagens falsas no filho

Uma mãe obcecada por tatuagens foi criticada por colocar tatuagens falsas em seu bebê de um ano. Shamekia Morris, uma designer de moda, começou a colocar tatuagens temporárias em seu filho Treylin quando ele tinha apenas seis meses de idade. Mas os internautas a acusaram de criar o filho para ser um ‘gangster’ e um ‘bandido’.

-Publicidade-

Ela costuma compartilhar fotos de seu bebê nas mídias sociais, nas quais ele está coberto de tatuagens em todo o corpo. Ela disse ao portal ‘Truly’: “Recebo muita reação, as pessoas dizem que estou criando meu filho como ‘gangster’ ou ‘bandido’; eles não estão acostumados a ver um bebê com tatuagens. Quando eu tinha oito meses [grávida], fiz um ensaio de maternidade com meus irmãos em uma loja de tatuagem.”

A mãe foi criticada na internet por colar tatuagens falsas no filho pequeno
A mãe foi criticada na internet por colar tatuagens falsas no filho pequeno (Foto: Reprodução/TikTok)

“Fui intimidada nas redes sociais. Todos os comentários foram negativos, as pessoas diziam que meu bebê ia nascer com um monte de tatuagens. Ele vai ter veneno na pele. Foi louco.” E agora que seu filho Trey nasceu, ela muitas vezes é alvo de críticas, onde as pessoas dizem que ele “vai ser abatido nas ruas” ou que ela está “criando-o para a prisão”.

Shamekia, de West Palm Beach, Flórida, acrescentou: “A reação foi horrível. Dói meus sentimentos porque eu sei que não sou uma mãe ruim e sou chamada de todos os tipos de nomes. É uma loucura.”. No entanto, ela disse que não se importa porque esse é o estilo de vida que ela gosta.

Ela acrescentou: “Se você está julgando alguém em um vídeo de 30 segundos nas mídias sociais, isso é problema seu, mas o que você diz ou pensa sobre alguém não vai determinar o que eles serão no futuro”. Shamekia, que acumulou mais de 319.000 seguidores no TikTok, insistiu que Treylin “ama” a tinta temporária. Ele também tem seu próprio guarda-roupa, repleto de roupas para a criança, além de mais de 150 pares de tênis. Ela concluiu: “Minha opinião sobre ser uma ótima mãe é ser sua líder de torcida, ser sua pessoa favorita, ser sua melhor amiga”.