Mãe faz desabafo depois de pedirem que ela se cobrisse enquanto amamentava o filho em restaurante

Nos Estados Unidos, a amamentação pública é legal em todos os 50 estados

(Foto: reprodução/ Getty Images)

Muitas mães já foram forçados a cobrir os seios na hora de amamentar os filhos ou ter que alimentá-los em locais que ninguém passaria e faria a famosa cara de incômodo. Samantha McIntosh estava amamentando a filha de 7 meses um restaurante na Geórgia, Estados Unidos, quando um gerente de loja apareceu, entregou-lhe uma jaqueta e disse que havia recebido reclamações de outros clientes e queria que ela escondesse a cena. 

-Publicidade-

Ela ficou surpresa com o pedido levando em conta que estava sendo discreta, justamente para não chamar muita atenção. Assim que ela foi abordada, parou de amamentar e falou sobre a situação, pois a sobrinha de 9 anos se perguntava em voz alta por que a amamentação não era permitida.

Foi quando outra mãe tentou defendê-la pelo direito de amamentar e, mesmo assim, o gerente voltou a insistir que Samantha se cobrisse para amamentar, mesmo sabendo que a amamentação pública é legal em todos os 50 estados dos Estados Unidos. 

-Publicidade-

A publicação de Samantha no Facebook sobre o incidente se tornou viral e recebeu mais de 5 mil comentários, muitos dos quais provenientes de colegas mães mostrando apoio. E o apoio não parou por aí: várias mães na área também fizeram uma enfermeira no restaurante na noite seguinte para defender Samantha. 

Mais tarde, o proprietário do restaurante pediu desculpas a Samantha e decidiu tomar isso como um momento de aprendizado e treinar a equipe sobre como lidar com essas situações da maneira certa a seguir em frente. “Eu entrei em contato com o dono deste Chick-fil-A (o restaurante) e ele parecia genuinamente se desculpar e muito aberto a treinar sua equipe sobre maneiras de lidar melhor com incidentes como esse no futuro”, disse à CNN . “Meu único objetivo era incentivar a educação!”

Felizmente, isso ajudará outros gerentes de restaurantes a entender os direitos das mães que amamentam e permitirá que elas alimentem os bebês em paz.

Leia também: 

Amamentação sem julgamentos: tire suas dúvidas sobre o aleitamento materno e o uso de fórmula

Amamentação: é possível conseguir amamentar um bebê gerado por barriga de aluguel?

Sempre alerta: bebê engasga após amamentação e pai fala pela primeira vez os detalhes do acidente

    -Publicidade-