Mãe faz relato sobre filhos “gêmeos” que nasceram com 1 mês de diferença e história é emocionante

Após muitas tentativas para engravidar, Whitley Coxey e o marido tiveram uma surpresa. Ou melhor, duas!

A história dos filhos de Whitley Coxey vai te emocionar (Foto: Reprodução / CafeMom)

O relato da mãe Whitley Coxey tem emocionado muitas pessoas. No portal CafeMom, ela contou sua história, que é cheia de coincidências. Whitley passou 2 anos tentando engravidar e fazendo muitos tratamentos, porém ela e o marido desistiram e decidiram adotar uma criança.

-Publicidade-

Whitley conta que sempre que dizia para as pessoas que iria adotar, elas respondiam com: “Quando você adotar, você vai engravidar” e isso a irritava muito. “Eu odiava esse comentário. As pessoas não tinham visto tudo o que passamos para tentar engravidar? Não tinham visto o quanto nós tentamos? Aquilo me irritava”, conta.

Após passarem 2 anos fazendo tratamentos, Whitley e o marido decidiram adotar uma criança (Foto: Reprodução / CafeMom)

Ela e o marido iniciaram o processo de adoção em 2018, mas uma coisa muito curiosa aconteceu em agosto: a menstruação de Whitley estava atrasada. Apesar da suspeita, ela não quis fazer um teste de gravidez porque tinha certeza que não estava grávida. Porém, por insistência do marido, ela fez o teste e deu positivo. “Foi o maior choque da minha vida”, relembra.

-Publicidade-

No mês de outubro daquele ano, o casal recebeu a notícia de que uma mãe tinha escolhido eles para adotar o filho dela. E mais uma coincidência aconteceu: a data prevista do parto da mulher seria um mês depois do parto do filho de Whitley. “Nós decidimos aceitar, após anos tentando, nós iríamos ter dois filhos!”, ela conta.

Com 36 semanas de gestação, Whitley precisou ter parto induzido em março de 2019 por conta de problemas no líquido amniótico. Jeb nasceu, ficou na UTI durante 3 semanas e depois foi liberado para ir para casa. Após uma semana com Jeb em casa, o casal recebeu a notícia de que o segundo filho, Porter, estava nascendo.

Jeb e Porter têm apenas uma semana de diferença de idade (Foto: Reprodução / CafeMom)

“Nós achávamos que teríamos um mês para nos adaptarmos ao Jeb até a chegada de Porter, mas tivemos apenas uma semana”, ela relembra. “Depois, descobrimos que tinham calculado a data errada do parto de Porter e estava prevista para a mesma data do Jeb, porém ele nasceu uma semana depois”.

Whitley conta que o nascimento de Porter foi muito emocionante e encerra o relato dizendo que se sente muito realizada por ter dois filhos. “Deus foi muito maravilhoso, ele não apenas respondeu nossas orações para ter um filho como nos deu dois bebês! Agora nós somos os pais de dois meninos lindos e doces. Ainda não consigo acreditar no quão abençoada eu fui”, ela finaliza.

Leia também:

Mãe cuida sozinha de quadrigêmeos com deficiência cerebral e história emociona

Mãe desabafa sobre a jornada da infertilidade até ter gêmeos: “Sempre tive problemas com o meu ciclo menstrual”

Mãe dá à luz gêmeos de cores diferentes em caso raro: “Fiquei muito surpresa”

-Publicidade-