Bebês

Neto de Paulo Betti e Eliane Giardini morre de Leucêmia com apenas 1 ano

Antônio era filho de Mariana e Quito Ribeiro

Izabel Gimenez

Izabel Gimenez ,filha de Laura e Décio

O garoto era o único neto do ex-casal (foto: reprodução)

O neto dos atores Paulo Betti e Eliane Giardi faleceu na quarta-feira, dia 19 de maio, faleceu vítima de uma luta contra o câncer. O garoto, que tinha apenas 1 ano de idade, infelizmente não conseguiu resistir às complicações da doença e deixou a família. Antônio era fruto do relacionamento da filha do ex-casal, Mariana, com o músico Quito Ribeiro.

Na sua conta do Instagram pessoal, a mãe do bebê publicou uma série de fotos do filho e se declarou de uma forma curta e grossa. “Obrigada, meu filho Antônio”, escreveu na legenda. Os avós do menino, Paulo Betti e Eliana Giardini, não se posicionaram sobre o ocorrido. Por respeito a família e ao momento em que estão vivendo, a rede Globo afastou os dois das gravações da novela das 18 “Órfãos da Terra”.

Antônio faleceu com 1 ano vítima de câncer (foto: reprodução)

Paulo Betti e Eliana Giardini foram casados por 20 anos e se separaram no ano de 1997, mas ainda mantém uma boa relação e continuam sendo amigos. Antônio era o único neto do ex-casal, filho de Mariana Betti. Além da mãe do garoto, os atores também tiveram Juliana Betti, mas ela não tem herdeiros. Paulo Betti tem um terceira filho, fruto do relacionamento com a atriz Maria Ribeiro. O meninao tem 16 anos e se chama João.

Polêmica envolvendo Paulo Betti

Além dos problemas pessoas, o ator está enfrentando uma série de acusações dentro do local de trabalho. Na última semana, Paulo foi acusado de racismo e está sofrendo um processo iniciado por Jorge Coutinho e Milton Gonçalves. Os artistas estão disputando a presidência do Sindicato dos Artistas e Técnicos em Espetáculos de Diversões do Estado do Rio de Janeiro (SATED-RJ).

Alguns artistas, e inclusive a ex-mulher de Paulo Betti, sairam em defesa do colega de profissão nas redes sociais e disseram estar do lado dele nessa trajetória, já que não o veem como racista. Maria Ribeiro, mãe do filho mais novo do ator, escreveu um texto falando sobre sua opinião diante das acusações. “Quando Paulo Betti e eu nos separamos, 14 anos atrás, pedi, não à toa, para ficar com essa carteirinha. Paulo é um sindicalista por natureza, um cara para quem o ofício e a justiça — ou injustiça — relativos à profissão importam mais do que todas as outras coisas. Compra todas as causas dos colegas, e agora, decidiu entrar para valer, através da disputa do sated, no que sempre fez: lutar por seu grupo”, disse.

“ Eu, ao contrario, mais egoísta, só me dei conta da desunião da nossa classe quando isso bateu em mim — mas isso não importa agora. O que importa é que acordei lendo que Paulo está sendo acusado de racismo porque disse, sobre a disputa de chapa do sindicato dos atores — e num grupo de WhatsApp! — que devemos ficar sensíveis e atentos ao possível uso de lutas fundamentais com o objetivo — velado — de comover e manipular os eleitores, monetizando ideologicamente a questão mais grave do Brasil”, continuou o desabafo.

“Somos um país racista e é nossa obrigação lutar diariamente contra isso. Ao acusar, a meu ver, levianamente, um sujeito integro como Paulo, esses senhores não só não estão lutando por um Brasil melhor, como estão, na melhor das hipóteses, confusos sobre seus reais inimigos”, escreveu. “Paulo, quero te dizer que, na camisa do meu time, tá escrito o teu nome em letras grandes, e eu a exibo com amor e orgulho há 22 anos. Sigamos com força e coragem (e nem vem me pedir de volta a carteirinha… rs)”, finalizou.

Leia também:

Pai perde a esposa para o câncer e escreve cartas aos filhos que valem como uma lição de vida

Menino escreve carta para o pai que faleceu e resposta do carteiro é comovente

Filha organiza ensaio fotográfico para mãe com câncer e o resultado é emocionante