Oi? Avó vai à Justiça para mudar nome do neto no Ceará

A criança foi registrada sob o nome de Lúcifer em março de 2021. O processo segue em segredo na Justiça

Resumo da Notícia

  • Avó vai à Justiça para mudar nome "de diabo" do neto no Ceará
  • A criança foi registrada sob o nome de Lúcifer em dezembro de 2021
  • O processo segue em segredo na Justiça

Parece coisa de filme, mas não é: uma avó recorreu à Justiça para mudar o nome do neto nascido em março do ano passado, no Ceará. Isso porque, na cidade de Nova Olinda, o bebê teria sido registrado como Lúcifer – que se refere ao diabo na crença cristã.

-Publicidade-

A criança está morando com a avó desde que o pai foi preso por assassinar a mãe e o avô paterno do bebê. O crime ocorreu no dia 27 de maio também do ano passado, quando Lúcifer tinha apenas 2 meses de idade.

O bebê nasceu em março do ano passado
O bebê nasceu em março do ano passado (Getty: Images)

O processo para a mudança do nome da criança foi iniciado em junho de 2021, de acordo com informações do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) ao G1. Contudo, segue em segredo como determina a Lei 8.069/90 no Estatuto da Criança e do Adolescente.

O governo da cidade de Nova Olinda confirmou que tanto o bebê quanto seus dois irmãos seguem acompanhados de perto pelo conselho tutelar desde que o crime ocorreu.