Bebês

Recém-nascido de 25 semanas com problema no coração sobrevive graças a cirurgia não invasiva

Mandie Hoffman nasceu com 453 g

Letícia Vaneli

Letícia Vaneli ,filha de Alcides e Eugênia

(Foto: Reprodução/CBS News)

Kirstin Hoffman tomou um susto quando a sua filha resolveu nascer 15 semanas antes do previsto. Mandie Lynn Hoffman veio ao mundo pesando 453 g e medindo 27 cm. Momento de muita alegra, porém muita aflição para a família. “Ela tinha todos esses fios e tubos em todos os lugares. Eu estava com medo”, desabafou a mãe ao jornal americano CBS.

“O canal arterial é um tubo que todo bebê, antes de nascer, precisa ter, mas geralmente fecha alguns dias ou algumas semanas após o nascimento”, disse Gareth Morgan, cardiologista intervencionista congênito e diretor do Instituto do Coração. Entretanto, quando esse canal não fecha, o fluxo sanguíneo é comprometido. “Efetivamente inunda os pulmões com sangue extra e impede que os pulmões funcionem da melhor maneira possível”, complementou.

Mandie nasceu tão pequena que seu pé era do tamanho do polegar do pai (Foto: Reprodução/CBS News)

A condição pode ser resolvida com uma cirurgia invasiva de coração aberto, mas no caso de Mandie seria muito perigoso. Assim, a equipe médica decidiu realizar uma pequena incisão em sua virilha, onde colocaram um dispositivo de malha de arame para fechar o buraco.  Felizmente, tudo ocorreu bem e Mandie está se recuperando do procedimento. Os médicos afirmam que, em média, são necessários até 30 dias para que ela se recupere completamente.

Mandie e a família estão bem e aguardando a alta do hospital (Foto: Reprodução/CBS News)

Fique por dentro das novidades no canal Pais&Filhos:

Leia também:

10 causas que levam à prematuridade

Veja como está o bebê que nasceu prematuro pesando 400 gramas

Recém-nascido prematuro morre depois de 34 horas e pais emocionam ao contar a história