Sabrina Sato começa a introdução alimentar de Zoe e a gente te ajuda a entrar nessa sem pirar

A filha da apresentadora vai completar 6 meses

Sabrina quer dar um irmão ou irmã para a Zoe (foto: reprodução/Instagram)

Na sexta-feira, dia 17 de maio, Sabrina Sato postou um vídeo da Zoe e contou uma novidade aos seguidores. A filha marcou presença no Instagram da mãe e como sempre, fez o maior sucesso. A japa contou que em breve a menina vai começar a introdução alimentar, já que Zoe está entrando no 6° mês. A menina faz aniversário no final do mês e a apresentadora já está com um cardápio personalizado para a criança.

-Publicidade-

Ela terá um acompanhamento para poder fazer tudo certo nessa nova fase, mas se você está passando por isso, fica tranquila que não precisa de desespero! Separamos algumas dicas incríveis para você não se perder e fazer tudo certo nessa nova fase.

Introdução alimentar: como devo fazer?

-Publicidade-

Até os 6 meses de vida, o peito da mãe é o suficiente para dar todos os nutrientes que o bebê precisa, mas depois, os especialistas recomendam que os pais começam a introduzir alimentos sólidos para complementar o cardápio da criança. Existem vários métodos, o mais tradicional é dar papinha, frutas amassadas e comidas mais fáceis que os bebês consigam comer sem se preocupar.

No inicío, é normal que o bebê estranhe. Começar uma rotina nova é sempre complicado, mas com o tempo vai melhorando. Deixe ser algo natural, não precisa insistir e tente proporcionar vários alimentos diferentes. Tente não ficar neurótica com a sujeita, bagunça nessa hora faz parte e é uma delícia. Para que seu filho se acostume com esse hábito novo, coloque ele no cadeirão para comer junto com a família, assim ele vai entendendo, aos poucos, como aquilo funciona.

Uma ótima dica é o método BLW, também chamado de “desmame guiado pelo bebê”, propõe que o filho participe de todas as refeições da família e use as mãos para provar novos sabores e texturas, assim ele vai adquirindo cada vez mais autonomia. Além disso, isso desenvolve e treina as habilidades motoras e sociais.
Fica tranquila que não tem motivo para ter medo. Todos os bebês de 6 meses ou mais conseguem curtir a experiência, ou seja, eles mastigam e engolem muito bem. Dá uma olhada nas regras desse método superdivertido:
  • Coloque o bebê para sentar junto com toda a família durante as refeições
  • Disponibilize alimentos que o bebê consiga segurar com as mãos e leve sozinho à boca, por exemplo, banana em pedaços, batata cozida, caqui
  • Coloque a criatividade para funcionar e use alimentos com cores variadas e formatos variados
  • Não ofereça nada, ponha ao alcance das mãos e ele escolhe o que pegar e o que comer
  • Os bebês de 6 meses ou mais conseguem curtir a experiência sozinhos, eles mastigam e engolem muito bem
  • Comece pelos alimentos in natura e vá acrescentando outros a cada tempo, à medida que os dentes forem aparecendo e que o bebê for demonstrando interesse
  •  Tiras de carne e frango também podem aparecer. No início, a criança vai apenas chupar. Depois começa a tirar pequenos pedaços
  • Fique tranquilo! Ele não vai engasgar
  • A comida que a família come também pode ser oferecida mais adiante, desde que seja saudável
  • Não insista! Proporcione a variedade e aproveite a farra com o bebê

Leia também:

Seu filho recusa algum alimento? Saiba se ele tem fobia alimentar infantil

Sem desculpas para começar a reeducação alimentar na sua casa neste minuto!

De olho no cardápio: como evitar alergias alimentares nas crianças

    -Publicidade-