Sangue nas fezes do bebê: 5 possíveis motivos e o que fazer em cada situação

O cocô do seu filho pode dizer muita coisa sobre a saúde dele. Alguns detalhes podem significar a necessidade de procurar ajuda médica

Resumo da Notícia

  • As fezes do seu bebê podem te dizer muitas coisas
  • Quando o sangue aparece, é hora de acender um alerta
  • Veja 5 possíveis motivos e o que fazer em cada situação

Você pode aprender muito sobre o desenvolvimento do seu filho olhando na fralda dele. Durante os primeiros meses do seu bebê, você notará muitas fezes marrons, amarelas e verdes – todas cores normais para bebês que estão passando pela fase de amamentação, aponta Nanci Pittman, MD, gastroenterologista pediátrica e professora assistente de pediatria na Escola de Medicina Mount Sinai na cidade de Nova York, nos Estados Unidos. Quando o sangue começa a aparecer nas fezes, talvez seja a hora de acender um alerta!

-Publicidade-
Sangue nas fezes do bebê: 5 possíveis motivos e o que fazer em cada situação (Foto: Getty Images)

Lembre-se: cocô vermelho nem sempre significa sangue; também pode resultar da ingestão de alimentos tingidos de vermelho, como tomate, beterraba ou alguns sucos. Dito isso, se as fezes do seu filho parecerem sangrentas ou se estiverem constantemente ficando vermelhas, é importante determinar a causa e procurar atendimento apropriado.

Aqui estão as principais causas de fezes de bebê com sangue e quando visitar o pediatra:

-Publicidade-

Constipação

A constipação é rara nos bebês, mas às vezes acontece – geralmente por causa de uma possível alergia à proteína do leite, o início da ingestão de alimentos sólidos ou a falta de líquidos. Os sintomas indicadores incluem a ausência prolongada de fezes, cocô duro, desconforto e sensação de barriga firme. A constipação também pode causar pequenas lacerações no ânus (fissuras anais), que causam estrias de sangue na superfície das fezes. A maioria das fissuras anais curam-se sozinhas, mas se você suspeitar de constipação, tente mudar a dieta do seu bebê. Por exemplo, você pode eliminar laticínios, adicionar mais fibra ou garantir que eles estejam recebendo líquido suficiente. Fale com o seu médico para obter mais informações sobre o combate à constipação.

Infecções

As fezes com sangue do bebê podem sinalizar certas infecções bacterianas e parasitárias, incluindo gastroenterite, salmonela, singela, estafilococo, C. Difficile ou Campylobacter. Isso porque as infecções costumam causar inflamação intestinal e pequenas rupturas que permitem que o sangue vaze. A diarreia geralmente vem com infecções, portanto, se você notar diarreia com cocô com sangue, avise seu médico imediatamente. Eles podem prescrever antibióticos para ajudar a tratá-lo.

Alergias a comida

Notou cocô sangrento depois de mudar a dieta do seu bebê? Você pode chutar que sejam as alergias alimentares que inflamam o cólon, permitindo que o sangue goteje nas fezes. As sensibilidades alimentares mais comuns são ao leite e à soja, mas seu bebê também pode ser alérgico a trigo, aveia, centeio ou qualquer outra coisa. É importante lembrar que antes de suspender qualquer alimento, observe o comportamento do seu filho, porque as alergias alimentares geralmente também se apresentam com outros sintomas, incluindo erupções cutâneas, vômitos e diarreia. Seu médico pode ajudar a diagnosticar alergias e propor um plano de tratamento.

As lesões no seio também podem trazer o sangue para as fezes (Foto: Getty Images)

Lesões mamilares maternas

Se a mãe que amamenta tem mamilos rachados, o bebê pode engolir um pouco do sangue, causando manchas vermelhas ou pretas nas fezes. Isso geralmente não é motivo de preocupação.

Sangramento do trato gastrointestinal

Em casos raros, fezes vermelho-escuras ou pretas indicam sangramento ao longo do trato gastrointestinal superior. O sangramento gastrointestinal geralmente vem de uma doença ou lesão grave, por isso é imprescindível alertar seu médico imediatamente e recorrer à exames mais precisos para um diagnóstico certeiro.

Causas menos comuns de fezes com sangue

As fezes com sangue do bebê também podem ter causas menos comuns. Por exemplo, bactérias estreptococos podem contornar o ânus, resultando em inflamação e cocô com sangue. Seu bebê também pode sofrer de colite (inflamação do intestino grosso), doença de Crohn ou enterocolite necrosante. Todos esses diagnósticos são dados por médicos pediatras especialistas e baseados em exames. Então, se notar algo diferente no cocô do seu bebê, nada de pânico: acione o pediatra da família, converse com ele e agende alguns exames.

Quando chamar o médico

Os pais devem sempre informar o pediatra sobre fezes com sangue. No entanto, eles devem procurar atendimento imediatamente se o bebê tiver menos de 12 semanas de vida ou se notar os seguintes sintomas:

– Uma quantidade excessiva de sangue nas fezes

– Agitação ou choro inconsolável

– Fadiga

– Cocô com consistência de alcatrão

– Dor de estômago

– Lesão anal

– Recusa em comer ou beber

– Fezes ensanguentadas com diarreia

– Fezes ensanguentadas com febre

– Fezes de sangue com muco

Certifique-se de dar ao seu médico uma visão geral detalhada dos sintomas do seu bebê. O sangue é vermelho escuro ou vermelho brilhante? Ele aparece como estrias na parte externa das fezes ou está misturado ao longo do cocô? Seu bebê tem febre, diarreia ou outros sintomas incomuns? Manter um registro detalhado ajudará seu médico a chegar a um diagnóstico preciso.

No consultório, o pediatra também pode analisar as fezes do seu bebê e examiná-las em busca de sinais de infecção ou doença. O tratamento depende da causa exata das fezes com sangue do bebê. Na maioria das vezes, porém, as fezes com sangue não devem resultar em nenhum problema de saúde a longo prazo.

-Publicidade-