Gestante pode dirigir?

Entenda por que não é recomendado dirigir durante as últimas semanas de gravidez

Dirigir na gravidez não é seguro tanto para a gestante quanto para o bebê (Foto: Getty Images)

Não existe uma lei específica que proíba dirigir durante a gravidez, porém os médicos recomendam que nas últimas semanas de gestação a gestante evite a atividade devido ao desconforto com a barriga grande e também para a prevenção de possíveis acidentes. Além disso, mal-estar e enjoos são frequentes na gestação, por isso o cuidado deve ser redobrado quando ela estiver ao volante, para que não cause ou sofra algum incidente.

Caso ocorra alguma colisão entre os veículos, o trauma direto com a barriga pode provocar complicações sérias tanto para a mãe quanto para o bebê, como por exemplo, o descolamento de placenta.  Pegar uma carona ou até mesmo pedir um táxi é a opção mais segura e recomendada.

O uso do cinto de segurança é indispensável ela estando ou não dirigindo. A gestante deve passar a parte de cima do cinto entre os seios e desviando da barriga, já a parte de baixo deve estar apoiada sobre o osso do quadril e abaixo da barriga.

Em viagens longas, a gestante deve usar uma meia elástica de compressão para evitar uma possível trombose, já que ficará em uma mesma posição por muito tempo.

O Dr. Igor Padovesi dá essas e mais informações no novo vídeo da série Gravidez Sem Neura!

 

Leia também:

7 dicas para quem dirige na gravidez

Grávida e pronta para a estrada

Grávidas no volante: 4 dicas para dirigir com segurança