Frutas cítricas podem fazer parte da introdução alimentar?

O paladar do seu filho é como uma folha em branco!

Seu filho é como uma folha de papel em branco (Foto: Getty Images)

Toda mãe sabe que, até os 6 meses de vida, basta amamentar o bebê para garantir uma boa alimentação. Mas, depois disso, os especialistas recomendam a introdução de alimentos sólidos para complementar o cardápio.

Além de oferecer frutas de diversas formas: tanto amassadas quanto em pedaços, é sempre bom sair do tradicional. Estamos acostumadas a dar banana, maça e pera, mas porque não tentar apresentar as frutas cítricas como laranja, uva e carambola para o bebê também?!

É sempre bom lembrar que seu filho está sendo construído do zero, então ele não tem os mesmos gostos que você, ou seja, é necessário apresentar o máximo de frutas possível para ele desenvolve seu próprio paladar e sua própria percepção.

Está na dúvida em como apresentar essas frutas para seu filho? Dá uma olhada no vídeo:

Leia também:

Seu filho recusa algum alimento? Saiba se ele tem fobia alimentar infantil

Sem desculpas para começar a reeducação alimentar na sua casa neste minuto!

De olho no cardápio: como evitar alergias alimentares nas crianças