Boa Notícia

Drone com detecção de calor acha menino e cachorro perdidos durante a noite

O caso ocorreu em Minnesota, Estados Unidos

Maria Luiza Cardone

Maria Luiza Cardone ,Filha de Carla e Luiz

Ethan e a fila de pessoas na busca no escuro - Fotos: reprodução / Twiiter

(Foto: Reprodução)

Um homem salvou a vida de um menino que se perdeu à noite no campo usando um drone com detecção de calor.

Um helicóptero passou 6 horas sobrevoando a região para tentar localizar o menino, chamado Ethan, mas não conseguiu. Até que Steve Fines viu no Twitter um post oficial da polícia anunciando o desaparecimento e levou seu equipamento para a região.

O garoto de 6 anos se afastou de sua casa em Minnesota com seu cachorro enquanto o sol estava se pondo e, após horas de temperaturas caindo, o Departamento do Polícia pediu ajuda. Centenas de cidadãos do condado de Sherburne correram para o local, onde ficam “campos de milho e bosques pantanosos com água até os tornozelos”, condições nada ideais para encontrar uma criança no escuro.

Steve Fines tem uma empresa, a Fines Imaging, dona de um drone que identifica calor, uma espécie de câmera térmica avaliada em US $ 30.000 – quase R$ 120 mil. O Washington Post informou que ele usa o drone para ajudar os agricultores a encontrar gado descontrolado, identificando o calor do corpo.

“Ele me permite cobrir muitos terrenos úmidos que as pessoas não conseguem andar com facilidade, [mas] ainda não teve sorte”, disse

Enquanto Fines estava sobrevoando com a câmera no escuro, ele tirou uma foto surpreendente que mostrava uma longa fila de pontos brilhantes. Eram as pessoas no campo, molhadas e cheias de lama, em temperaturas congelantes, mas que queriam ajudar na operação.

“Eu só sabia em que direção procurar, porque os voluntários no local encontraram uma pegada que me apontava na direção certa. Eu sabia quais áreas já haviam sido pesquisadas por causa da coordenação do xerife do condado de Sherburne”, contou.

Por volta de 1h50, o drone avisou sobre marcas de calor. Felizmente eram Ethan Haus e o cachorrinho Remington. Eles estavam a pouco mais de um quilômetro a leste de sua casa e foram encontrados deitados tremendo de frio. Steve Fines sabia que era um cachorro, por causa de sua experiência profissional detectando veados e outros animais.

Ethan estava com frio, mas estava bem de saúde, de acordo com o xerife Joel Brott.“Este foi realmente o epítome de uma comunidade cuidando de si mesma”, disse Brott. “Ver tanto apoio em tão pouco tempo e ajudar a encontrar esse menino e seu cachorro é comovente.”

O xerife postou a foto do drone da Fines Imaging mostrando a infinita linha de voluntários, que provocou elogios e gratidão emocionantes. “Você trouxe seu talento e equipamento para fazer algo para o bem maior. Um helicóptero de patrulha estadual passou 6 horas no local, mas você fez isso acontecer. ”, disse um voluntário.

Brenda Haus, tia de Ethan, quis agradecer pessoalmente por Steve por ajudar a encontrar o sobrinho. “Gostaria de poder abraçar e agradecer pessoalmente a cada pessoa que estava lá, porque foi realmente incrível! E você estará para sempre em nossos corações. Somos tão gratos por você poder ser uma parte tão grande em nos ajudar a levá-lo para casa! Obrigado novamente do fundo de nossos corações! ”

Leia também: 

Pai autista chora no casamento da filha e fotos viralizam na internet

Bebê com Síndrome de Down sorri para a mãe enquanto conversam e o vídeo conquistou a internet

José Loreto compartilha momento íntimo ao lado da filha e derrete a Internet