5 livros infantis para ajudar as crianças a entenderem os sentimentos

A ideia é que elas entendam, desde cedo, que todas as emoções são válidas e que há um jeito saudável de lidar com elas

Resumo da Notícia

  • Se para os adultos os sentimentos já são difíceis de serem entendidos e digeridos, imagina para as crianças?
  • A ideia é procurar caminhos para ajudá-los a conseguirem se expressar e os livros infantis sobre o assunto podem ser um deles.
  • É isso que queremos para as crianças, certo? Consciência emocional!

Se para os adultos os sentimentos já são difíceis de serem entendidos e digeridos, imagina para as crianças? Com a consciência de que os altos e baixos das emoções podem ser desafios sem soluções para as crianças, a ideia é procurar caminhos para ajudá-los a conseguirem se expressar e os livros infantis sobre o assunto podem ser um deles.

-Publicidade-
Leia para uma criança (Foto: Shutterstock)

Pensando nisso separamos 5 histórias que trabalham narrativas focadas na reflexão sobre os diferentes sentimentos em que o ser humano está imerso e a importância de reconhecê-los. Inclusive, esses livros não deixam você e o seu filho esquecerem que não é só de emoções positivas que somos feitos: a raiva, a tristeza e o medo também precisam de validação.

Veja a lista:

1- A Parte Que Falta | Shel Siverstein

-Publicidade-
(Foto: Reprodução / Amazon)

Esse livro é certo para ensinar que não dá para ter tudo sempre – e, aqui, não estamos falando apenas de bens materiais. Às vezes, estará tudo bem com a família, mas a escola será um pouco difícil, ou que ele sentirá que algo dentro de si não está no lugar e faltarão palavras para conseguir explicar. Com a narrativa, mostra-se para o seu filho que o desapontamento também é um sentimento válido.

2- O Livro dos Sentimentos | Todd Parr 

(Foto: Reprodução / Amazon)

Mais literal do que a opção anterior, “O Livro dos Sentimentos” traz situações que mostram as subidas e descidas dos sentimentos que todo mundo vive, além de brincar com o imaginário das crianças. O livro pode ser uma ótima opção para ler para as crianças que, muitas vezes, não conseguem expressar o que sentem, mas conseguem apontar para as ilustrações depois de ouvir a parte escrita. Quem sabe, assim, você não consegue decifrar alguns choros sem motivo aparente e expressões confusas!

3- O Monstro das Cores | Anna Llenas

(Foto: Reprodução / Amazon)

Nesse livro cada uma das emoções ganha um tom diferente ao ser representada. No começo da história, o personagem principal está embolado em diferentes cores ao estar imerso em um turbilhão de sentimentos. Com o decorrer do livro, a ideia é que cada emoção seja colocada em um respectivo lugar e ele consiga reconhecer o que está sentindo. É isso que queremos para as crianças, certo? Consciência emocional!

4- Orelha de Limão |  Katja Reider

(Foto: Reprodução / Amazon)

Parece que os animais são ótimas opções para discutir sobre como lidar com os sentimentos! Como a ilustração da capa mostra, “Orelha de Limão” conta a história de uma ovelha que tem um detalhe diferente: uma das orelhas é amarela-limão. Só que, diferente das outras obras, aqui a autora  vai falar sobre pessoas gentis ao nosso redor que ajudam a solucionar problemas que até então parecem não ter uma luz no final do túnel. Lembrando as crianças de que eles também encontrarão amigos que os ajudarão em circunstâncias difíceis!

5-  O cabelo de Lelê | Valéria Belém

(Foto: Reprodução / Amazon)

O livro traz o colorismo de um jeito delicado e importante. A protagonista, com o nome destacado já no título, não gosta do que vê no espelho: os fios crespos são inimigos declarados. Só que essa visão é transformada quando ela entende a história africana que os fios trazem, assim como o tom de pele. A ideia central da obra é mostrar Lelê conhecendo cada vez mais as raízes e as repassando para outras crianças negras que também não encontram facilmente a representatividade na sociedade pelo racismo estrutural que existe. Importante, né?

O 9º Seminário Internacional Pais&Filhos – A Tal da Felicidade está aí! Ele vai acontecer no dia 19 de agosto, completamente online e grátis. Serão oito horas de transmissão ao vivo e você pode acompanhar tudo neste link aqui. Esperamos por você!

-Publicidade-