Criança

6 sinais de que o seu filho precisa de um professor particular

Você sabe diferenciar se ele é preguiçoso ou realmente não está entendendo a lição?

Nathália Martins

Nathália Martins ,Filha de Sueli e Josias

(Foto: iStock)

(Foto: iStock)

Quando as responsabilidades escolares das crianças aumentam e os horários ocupados com a família também, as aulas individuais podem ser uma adição muito produtiva para os estudos da criança. “A atenção individual de um professor particular pode fazer maravilhas até para um aluno que já se dá bem com os estudos”, diz Laura Goldblatt, professora licenciada do programa de educação continuada do Marlboro College, em Marlboro, Vermont.

Embora algumas crianças se saiam bem com um professor prestativo na escola e com um pai ativo em casa, outras podem se beneficiar de ajuda extra; abaixo são exemplos de tais situações. Procurar um professor particular para contornar a queda de notas do seu filho pode gerar sucesso acadêmico no futuro e fazer com que ele goste mais da escola.

Queda das notas 

Se você acredita que seu filho pode fazer melhor do que em seu boletim mais recente, ou se você notou um declínio gradual ou repentino nos resultados das provas, comunique-se com o professor sobre suas preocupações. Ele pode apontar conceitos com os quais seu filho está tendo dificuldades. Além disso, ele pode observar quando seu filho está deslocando a atenção, o que pode indicar que ele não dominou um tópico ou não tem foco. Depois de identificar a área ou as áreas problemáticas, você pode tomar medidas para melhorar as notas dele novamente.

Gerenciamento do tempo  

Se seu filho adiar o dever de casa, ele pode não conseguir acompanhar o aumento das cargas de trabalho. Embora um atraso ocasional possa ser esperado, a procrastinação consistente pode ser um sinal de um problema maior, especialmente se uma criança ignorar lembretes repetidos. “A intuição de um pai é uma coisa poderosa quando se trata de educação da criança. Se você perceber que seu filho pode haver uma deficiência de aprendizado, há profissionais que podem ajudar”, diz Joe Morgan, CEO da Noodle Education, um site que ajuda os pais a encontrar oportunidades de tutoria e educação. Contratar um tutor pode ajudar seu filho a melhorar os hábitos de estudo, cultivar a auto-motivação e acompanhar as próximas tarefas e testes.

Preguiça ou dúvida? 

Às vezes uma criança está com desempenho ruim porque simplesmente não entende o dever de casa. Se seu filho está repetidamente intrigado com certos conceitos, ele pode não estar acompanhando as expectativas de nível de grade. Pode ser difícil diferenciar se o seu filho está confuso porque os conceitos não são claros ou se ele simplesmente quer evitar o trabalho. Mas se o seu filho repetidamente expressar ansiedade sobre um teste e for defensivo quando tentar ajudar, um professor pode ajudá-lo a compreender cada assunto no nível atual para garantir o avanço da nota.

Falta de confiança

É natural não ter certeza quando se aprende um novo conceito, mas não é construtivo quando se diz a uma criança que ela não é inteligente o suficiente para se dar bem na escola. Se seu filho está se sentindo triste e dizendo que não consegue acompanhar, seu impulso pode ser se esconder ao invés de pedir ajuda. “Quando você percebe que seu filho ficou preso em certas habilidades ao longo do tempo ou se ele se sentiria bem em ser um pouco mais confiante, ele pode se beneficiar com um professor particular”, diz Goldblatt. Quando a tutoria é bem-sucedida, a criança se torna autoconfiante e cria uma nova confiança, o que pode levar à participação na sala de aula.

Diminuição da supervisão dos pais

Quando os pais assumem compromissos adicionais fora da família, pode ser impossível manter o mesmo nível de ajuda de casa que eles estavam fornecendo ao filho. Além disso, à medida que a criança envelhece e sua carga de trabalho aumenta, isso pode exigir tempos de estudo muito grandes para caber em um cronograma familiar.

Nem sempre é possível para um pai gerenciar o dever de casa de uma criança, então o professor particular pode ajudar a aliviar conflitos de agendamento dentro de uma casa. “Se você sabe que não vai ter tempo ou energia para ajudar as crianças com um trabalho difícil, um professor pode ser uma boa ideia”, diz Goldblatt.

Dificuldades de aprendizagem

Sessões de tutoria também são benéficas para crianças que foram diagnosticadas com um distúrbio de aprendizagem, como o TDAH, doença crônica que inclui dificuldade de atenção, hiperatividade e impulsividade, dislexia ou um problema de processamento visual.

Crianças com deficiências de aprendizado muitas vezes têm que trabalhar mais do que seus colegas para permanecer no mesmo caminho acadêmico. Felizmente, há tutores com experiência no ensino de crianças com deficiências e eles podem dar a elas o tempo e a atenção necessários para dominar disciplinas e estabelecer hábitos de estudo. Um professor especializado pode apresentar informações de uma maneira que seja mais fácil para uma criança com dificuldade de aprendizagem entender, o que pode tornar a escola menos difícil e mais agradável.

Leia também:

A escola quer conversar sobre o comportamento do seu filho? Não se desespere

5 dicas para não atrasar na hora de levar as crianças para a escola

Quer ajudar na rotina escolar do seu filho? Respeite-a!