Boa ação! Campanha literária arrecada livros para crianças carentes em abrigos

A iniciativa do Instituto de Leitura Quindim é levar o amor pela leitura para os abrigos, escolhendo as obras que mais se encaixam no perfil de cada criança

Resumo da Notícia

  • O projeto é iniciativa do Instituto de Leitura Quindim
  • A estimativa de arrecadação é de 30 mil reais até dia 24 de dezembro
  • Eles contam com o apoio de psicólogos, professores e escritores

Criado em 2017, o Natal literário é uma iniciativa do Instituto de Leitura Quindim, e em 2021, está realizando a sua terceira edição. A missão da campanha é levar o mundo da leitura para as crianças que vivem em casas de acolhimento e abrigos. O instituto frequentemente compartilha obras e sorteios de livros, mas criaram o projeto para alcançarem mais crianças.

-Publicidade-

A campanha estará disponível até o dia 24 de dezembro, e o público pode realizar a doação pela internet. Existem três modalidades de apoio: R$ 50 para apadrinhar uma criança, R$ 100 para duas e R$150 para ajudar três crianças. A estimativa do valor de arrecadação é de 30 mil reais, que serão convertidos em livros.

Instituto incentiva leitura em abrigos com doações
Instituto incentiva leitura em abrigos com doações (FOTO: Reprodução / Instagram / institutodeleituraquindim)

Em sua primeira edição, a campanha ajudou mais de 200 crianças e adolescentes, já em 2020 foram cerca de 530 crianças beneficiadas, que são atendidas pelo Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) e escolas municipais. Os livros serão entregues durante o Natal, seguindo os protocolos sanitários. Quanto mais cedo se tem contato com a leitura, melhor. Ler expande o vocabulário, aumenta o conhecimento e é uma forma de diversão.

Além da doação dos livros, a instituição faz pesquisas sobre a obra mais indicada para cada criança, contando com o apoio de psicólogos, professores e escritores. Durante as conversas com as crianças, eles analisam qual título irá ajudar de melhor forma o desenvolvimento dos beneficiados e as relações com colegas, professores e pais.