Brasil participa pela 1ª vez de evento internacional sobre desenvolvimento infantil e visitação domiciliar

Cúpula Nacional de Visitação Domiciliar reúne os maiores especialistas e profissionais dos Estados Unidos sobre o tema

Lançado em outubro de 2016, o programa Criança Feliz promove o desenvolvimento adequado na primeira infância (Foto: Rafael Lampert Zart/Ministério da Cidadania)

Os resultados do programa Criança Feliz, coordenado pelo Ministério da Cidadania, serão apresentados durante a 5ª Cúpula Nacional de Visitação Domiciliar (National Home Visiting Summit), entre os dias 29 e 31 de janeiro, em Washington (EUA). Essa é a primeira vez que o Brasil participa do evento que reúne os maiores especialistas e profissionais dos Estados Unidos sobre o tema.

-Publicidade-

“É um evento grande e os Estados Unidos são referência nas visitas domiciliares. A minha expectativa é conhecer outras iniciativas que trabalham essa formação, que é o nosso grande desafio. Para mim, o mais importante é como que esses visitadores estão prestando um serviço de qualidade lá na ponta, porque é isso que vai fazer a diferença”, disse Ely Harasawa, secretária Nacional de Promoção do Desenvolvimento Humano do Ministério da Cidadania.

A secretária Ely Harasawa durante o National Home Visiting Summit (Foto: RJ Welch)

No ano passado, o Criança Feliz foi premiado com o WISE Awards da Cúpula Mundial de Inovação para a Educação, um dos maiores prêmios internacionais da área de educação, que reconheceu o trabalho desenvolvido pelo governo federal como uma das principais e mais inovadoras iniciativas do mundo na área.

-Publicidade-

Os resultados do programa brasileiro estão sendo apresentados nesta quinta-feira (30), durante o painel “Desenvolvimento da Força de Trabalho da Visitação Domiciliar Durante Rápida Expansão: Lições de Outros Países”, que abordará também a experiência da China com a implementação das visitas domiciliares. A equipe do Ministro da Cidadania Osmar Terra está hoje no National Home Visiting Summit e amanhã seguirá para o Banco Mundial, também em Washington.

A secretária Ely Harasawa vai compartilhar o tempo de fala com a consultora sênior da Fundação de Desenvolvimento e Pesquisa da China, Mary Young, que também é consultora internacional do Criança Feliz. “É uma metodologia que tem evidências, muitos estudos dizem que a visita é uma estratégia muito interessante, efetiva para você provocar mudanças. No contato com as famílias, você tem condições de aprofundar determinados assuntos, a chance de levar orientação e de trazer determinadas demandas. Tudo isso para poder resolver”, conclui Ely.

Programa Criança Feliz

Lançado em outubro de 2016, o programa Criança Feliz promove o desenvolvimento adequado na primeira infância, integrando ações nas áreas de saúde, assistência social, educação, justiça, cultura e direitos humanos, tendo como ponto central a visita semanal de técnicos às casas das famílias de baixa renda para acompanhar e estimular o desenvolvimento das crianças. O programa brasileiro é o maior do mundo em visitação domiciliar para a promoção do desenvolvimento infantil — até hoje, já foram foram realizadas 26,5 milhões visitas domiciliares em todo o país, entre as famílias mais pobres do Brasil.

Osmar Terra recebe o prêmio Wise Awards, que reconhece e promove projetos comprovadamente eficazes que abordam desafios mundiais na área da Educação (Foto: Caio Passos/Ministério da Cidadania/Divulgação)

“O que realmente muda a vida de uma sociedade? É no início da vida que o cérebro da criança se organiza. Vamos ser o reflexo daquilo que se organizou durante os primeiros mil dias de vida. A diferença entre uma criança que é maltratada ou negligenciada de uma que recebe amor é enorme. Se a criança sofrer algum abuso entre o oitavo e décimo oitavo mês de vida, terá consequências negativas pelo resto da vida. O que torna a pessoa menos agressiva é justamente os cuidados e os limites dados pela família. As crianças nascem todas de forma semelhante, mas é a primeira infância que as diferencia pelo resto da vida”, defendeu o Ministro Osmar Terra, durante palestra do Seminário Internacional Pais&Filhos.

Leia também:

“Nós precisamos de ajuda para poder ajudar nossos filhos”, afirma o Ministro Osmar Terra

Osmar Terra afirma que investir na primeira infância é pensar no futuro

Programa nacional Criança Feliz recebe maior prêmio do mundo na área de inovação para a educação

    -Publicidade-