Bruninho, menino hostilizado por ganhar camiseta do Palmeiras, participa de campanha publicitária

O caso do menino de 9 anos hostilizado pela torcida do Santos, ao ganhar camisa de time rival, comoveu o país e o sucesso o levou a participar de uma campanha publicitária da Hoteis.com

Resumo da Notícia

  • Bruninho foi hostilizado pelo time dos Santos em jogo, após pedir uma camiseta a um jogador do Palmeiras
  • O menino pediu desculpas pelas redes sociais pelo acontecido e comoveu o Brasil
  • Com a atenção recebida, foi convidado a participar de uma campanha publicitária da Hoteis.com

Bruninho, de 9 anos, vem recebendo atenção nos últimos dias após ser hostilizado por ganhar camisa do Palmeiras em um jogo dos Santos. Recentemente, o garoto participou de uma campanha publicitária da Hoteis.com.

-Publicidade-

“Você pode ser fã de quem quiser, mas se você é leal, a recompensa sempre vem! Eu tive um dia incrível com a minha família e a Hoteis.com, parceira oficial de viagem da UEFA Champions League. Há muitas vantagens de ser leal a eles!”, relatou a legenda da campanha.

Bruninho participa de campanha publicitária
Bruninho participa de campanha publicitária (Foto: Reprodução / Hoteis.com)

O menino deu um show de humildade ao publicar um vídeo nas redes sociais pedindo desculpas pelo ocorrido, afirmando que só gostaria de ter uma camiseta do time adversário pela admiração pelo jogador.

Entenda o caso

Um menino foi hostilizado enquanto assistia a um jogo de futebol com o pai. Isso porque, no último domingo, a dupla marcou presença no clássico Palmeiras contra Santos – e Bruno, de apenas 9 anos de idade, foi completamente hostilizado e até ameaçado ao pedir a camiseta usada na partida por Jaílson, goleiro reserva do Palmeiras, enquanto estava na torcida santista.

Bruninho e o pai receberam apoio de diversas torcidas e até mesmo jogadores famosos – como Neymar e Pelé – após o ocorrido. Isso porque, diante da reação de alguns torcedores, foi necessário que a polícia intervisse para que pai e filho não saíssem do estádio machucados.

Bruninho tem 9 anos de idade
Bruninho tem 9 anos de idade (Foto: Reprodução/ Youtube)

O menino ainda usou as redes sociais para fazer um pedido de desculpas aos torcedores que se sentiram ofendidos com a sua ação – e afirmou que devolverá a camisa usada por Jaílson na partida. Além disso, também ressaltou que ainda é santista, e que simpatiza com jogador do Palmeiras que joga pela Seleção Brasileira. Enfim, ele lamentou estar sendo xingado nas redes.

Diante da maturidade de Bruninho, diversos profissionais não deixaram de elogiá-lo. A conta oficial do Santos, no Twitter, se pronunciou sobre o ocorrido dentro de seu estádio e com sua torcida, por meio de um tweet.

Bruninho publicou um vídeo de desculpas
Bruninho publicou um vídeo de desculpas (Foto: Reprodução/ Instagram)

“O Santos FC já entrou em contato com Moises, o pai do Bruno do Nascimento, para minimizar o impacto dos transtornos causados por poucos torcedores exaltados no final do jogo com o Palmeiras. Para manter sua paixão pelo Peixe, Bruninho foi convidado para assistir ao jogo com o Red Bull Bragantino, nesta quarta-feira na Vila Belmiro, desta vez no camarote. O Clube não compactua com qualquer tipo de violência e se solidariza com a criança, que é um dos mais novos Meninos da Vila, conhecido pelo elenco, por sempre estar apoiando o time no portão do CT Rei Pelé”, afirmou a publicação.

Neymar republicou o vídeo de Bruninho nos stories, e defendeu a atitude do menino diante dos haters. Por lá, escreveu, “Você é gigante”. Pelé também se pronunciou sobre o ódio dentro do futebol, e elogiou a admiração do garoto por jogadores de outros times mesmo sendo santista. Para conferir os momentos na íntegra, clique AQUI.