Cabeleireira senta no chão para cortar o cabelo de menino autista

Kaylen Barker percebeu que o cliente de apenas 4 anos não estava se sentindo confortável na cadeira do salão, e tão ela decidiu ajudá-lo de outra forma

Resumo da Notícia

  • Kaylen Barker é uma cabeleireira dos Estados Unidos
  • Uma vez ela foi cortar o cabelo de Isaiah, de 4 anos, que é autista
  • O menino não estava se sentindo confortável e, por isso, queria sentar no chão
  • A cabeleireira não viu problema, e sentou no chão para poder ajudá-lo
(Foto: reprodução/ ABC News)

Kaylen Barker, de 28 anos, é cabeleireira e está acostumada com crianças no dia a dia. Isaiah Terrell, de 4 anos, foi cortar o cabelo com ela, só que o menino é autista e não estava se sentindo confortável na cadeira. Pensando nisso, a cabeleireira decidiu respeitar a vontade da criança.

-Publicidade-

“Ele disse que queria se sentar no chão, então eu apenas sentei no chão. Deixei que ele me borrifasse com minha garrafa de água. Conversamos sobre ‘Procurado Dory’ e ele me contou tudo sobre o peixe”, contou Kaylen em entrevista à ABC News.

“Eu cortei o cabelo de muitas crianças ao longo dos anos e acabei de aprender que você precisa subir ao nível delas e se conectar com elas onde elas estão. A maioria das crianças tem medo de cortes de cabelo e por ele ter o espectro, tornou as coisas ainda mais assustadoras para ele”, desabafou.

-Publicidade-

Jennifer McCafferty, a mãe de Isaiah, mora com o filha Virgínia Ocidental, Estados Unidos, e ficou muito grata por Kaylen ter sido paciente e carinhosa com o menino. Ele foi diagnosticado em 2019 com espectro autista, Isaiah tem dificuldade em lidar com grandes multidões, barulhos altos porque tem uma sensibilidade sensorial ao redor dos ouvidos, conta a mãe.

“Ele estava deitado no chão e tentando sair do colo dela, mas quando se sentiu confortável, ficou disposto a fazer qualquer coisa. Kaylen ser capaz de tirá-lo daquele lugar e trabalhar com ele foi incrível. Realmente significou o mundo para mim. Ele parou de gritar que não queria cortar o cabelo e, no final, gritou que não queria ir embora”, desabafou a mãe. Para ver o vídeo, clique aqui.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!

    -Publicidade-