Criança

Chocante! EUA discute se professores devem dar aula armados

Depois de 11 ataques em escolas, os governantes estão tentando encontrar uma forma de proteger os alunos

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Professores treinando para reagir contra atiradores l Foto: Faster/Divulgação)

(Professores treinando para reagir contra atiradores l Foto: Faster/Divulgação)

Olha absurdo! Nós estamos vivenciando problemas de violência no Rio de Janeiro e agora os Estados Unidos nesta situação: só este ano já são 11 tiroteios em escolas do país, deixando vítimas e famílias arrasadas. Como solucionar este problema? Afinal, é um dever do Governo americano proteger essas crianças e adolescentes. Segundo informações da BBC Brasil, vários políticos americanos têm proposto leis para aumentar o número de armas de fogo nas escolas e armar professores e funcionários.

Depois do tiroteio em Kentucky, por exemplo, no último dia 23 de janeiro no qual um adolescente matou dois colegas de classe, o senador republicano Steve West correu para legalizar patrulhas com seguranças armadas na escola onde aconteceu a tragédia.

Em Michigan, membros do Senado americano aprovaram um projeto que permite professores nas escolas primárias, secundárias e do ensino médio darem aulas com armas escondidas em um lugar seguro dentro da sala de aula. O mesmo já acontece na Flórida, Indiana, Pensilvânia, Mississippi, Carolina do Sul e West Virginia. Os professores estão sendo treinados, inclusive, para saber como reagir se algum atentado acontecer. Será que essa é a melhor solução?

Leia também:

Por que as crianças não deveriam brincar com arminhas de água

Campanha mostra crianças brincando com objetos sexuais para alertar sobre perigo das armas

Como proibir uma palavra