Colega ajuda amiga autista todos os dias no almoço e dá uma lição de empatia

Vitor ajuda Pâmela a montar o prato de comida do jeito que ela gosta na hora do intervalo

Vitor ajuda Pâmela na hora do almoço (Foto: reprodução/ Razões para acreditar)

Vitor é uma criança, e mesmo sendo muito jovem, mostrou que empatia não é uma questão de idade. Na escola, ele possui uma amiga chamada Pâmela, e a menina tem autismo. Mesmo não sabendo o significado disso, o menino decidiu que ajudaria a preparar o prato de comida da colega todos os dias.

-Publicidade-

No vídeo, a professora das crianças perguntou para ele quando o viu segurando dois pratos: “Para quem é esse prato, Vitor?”. E o menino respondeu: “Para minha amiga”. E ele é extremamente cuidadoso para colocar só o que Pâmela gosta de comer: arroz e feijão e nenhuma salada. Quando Vitor terminou de montar os dois almoços, levou cuidadosamente para Pâmela.

Quando chegou a mesa, ele disse: “Seu papá. Toma sua colher”. A professora afirmou que ele faz isso todos os dias, mesmo que ninguém peça para ele fazer. É nessas horas que vemos como a empatia mora no coração, independentemente da classe social, gênero ou idade. O vídeo de Vitor apareceu no site Razões para acredita. Confira, clicando aqui.

-Publicidade-

Leia também: 

Mãe é proibida de almoçar em restaurante por causa do filho com autismo

Garoto com autismo está entre os 3% melhores escoteiros dos EUA:”Há muitas coisas que ele pode fazer”

Marcos Mion mostra o filho explicando o que é o amor e escreve texto emocionante sobre autismo

-Publicidade-