Criança

Como um cachorro ajudou o desenvolvimento de um garoto com nanismo

Essa amizade merece ser celebrada

Logo-Parents (1)
Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: Reprodução/Facebook)

(Foto: Reprodução/Facebook)

Os animais de estimação podem fazer toda a diferença na vida das crianças com deficiência, e a história do pequeno Quaden, de 5 anos, é a prova disso. O garoto australiano sofre de nanismo, uma malformação rara. Seu cachorro terapia também. Isso mesmo, o Buddy da raça Shih-tzu também tem a mesma deficiência.

Antes de Buddy entrar na sua vida, Quaden estava deprimido com sua aparência e sua deficiência, segundo sua mãe, Yarraka Bayles. Adultos e crianças eram cruéis com ele, muitas vezes chamando-o de nomes maldosos e fazendo perguntas rudes sobre sua aparência em público. Mas tudo isso mudou quando a sua família adotaram Buddy.

A mãe de Quaden revelou que o menino aceitou sua deficiência porque Buddy deu a ele essa razão para pensar que é legal. “Então ele diz a todos: ‘Meu cachorro tem nanismo como eu’, e é a primeira vez que, em cinco anos de vida, o ouvimos ele dizer isso. Antes a gente não podia citar nanismo ou acondroplasia.”

A amizade do menino e seu companheiro fiel peludo, é de emocionar qualquer pessoa! É uma oportunidade também, de lembrar como é importante ser gentil e respeitoso com o próximo.

Leia mais:

Vídeo: cachorro ouve bebê chorar pela primeira vez e tem reação incrível!

10 fotos que provam que esse cachorro foi o melhor parceiro na hora do parto

Você vai morrer de rir com as caretas desse cachorro