Criança de 10 anos sorri pela primeira vez após retirar tumor do rosto

Houssainatou de apenas 10 anos sofria com uma dor na boca e sua família ficou chocada ao ver o caroço crescer ao longo dos anos

Resumo da Notícia

  • Houssainatou de apenas 10 anos sorriu pela primeira vez
  • A criança tinha um tumor no rosto que impedia ela de sorrir
  • Agora após a cirurgia a família está muito mais aliviada

Uma menina de 10 anos finalmente consegue sorrir pela primeira vez em anos depois que cirurgiões salvaram sua vida removendo um tumor facial. Houssainatou, 10, começou a sofrer com dor na boca quando era apenas uma criança e sua família ficou chocada ao ver o nódulo crescer ao longo dos anos.

-Publicidade-

Com o tumor facial eventualmente saindo do rosto da menina e forçando-a a abandonar a escola com apenas oito anos de idade, seu pai Souleymane temia que sua filha lutasse e morresse jovem. Incrivelmente, os médicos conseguiram salvar a vida da jovem com uma cirurgia a bordo de um navio-hospital.

O tumor facial foi removido e a menina de dez anos agora vive uma vida normal em casa com sua família agradecida. O agricultor de milho Souleymane, que vive em uma cidade nas terras altas da Guiné com sua esposa, filha Houssainatou e seus quatro irmãos, disse ao jornal The Mirror: “Eu não posso acreditar. Ela é tão bonita! Estou tão feliz e tão animado para trazê-la para casa para ver a família.”

A menina ficou radiante após a remoção do tumor
A menina ficou radiante após a remoção do tumor (Foto: Reprodução/Shawn Thompson/Mercy Ships SWNS/The Mirror)

“Eu só consigo comida suficiente para alimentar minha família, mas não extra. Eu nunca teria os meios para cuidar da cirurgia da minha filha. Continuamos orando, nos preocupando e procurando ajuda. Meu coração está livre agora. O medo se foi. Eu costumava passar todos os dias com medo que ela morresse jovem, mas agora vou gastar meu tempo ajudando-a a ter um futuro.”

O orgulhoso pai acrescentou: “Quero que ela se torne médica para que possa ajudar as pessoas da maneira como ela mesma foi ajudada”. A cirurgia que salvou a vida dela veio graças à Mercy Ships – uma instituição de caridade que oferece cirurgias gratuitas para salvar vidas na África Ocidental e Central.

Houssainatou passou por várias rodadas de triagem de seleção de pacientes antes de ser aceita para cirurgia gratuita a bordo do navio-hospital, o ‘Africa Mercy’. Após apenas um dia e uma cirurgia de quatro horas, Houssainatou conseguiu se ver no espelho, livre de tumores, pela primeira vez em sua jovem vida e agora está vivendo a vida ao máximo.