Criança

Criança que não bebe água direito pode gerar até 100 calorias extras por dia

100 calorias a mais por dia são muito prejudiciais a longo prazo

Cinthia Jardim

Cinthia Jardim ,filha de Luzinete e Marco

Não beber água aumenta 100 calorias (Foto: reprodução / Getty Images)

Beber água diariamente é um hábito muito importante para a saúde, mas as vezes, acabamos deixando a prática de lado. Tomar suco, leite ou refrigerante pode dar a sensação de saciedade e acabar atrapalhando a rotina. Um estudo publicado no Journal of American Medical Association Pediatrics, explica que crianças e adolescentes que não bebem água, podem consumir 100 calorias extras por dia, por causa da substituição desse líquido por outros.

Em 37 dias, de acordo com a pesquisa, são 3.500 calorias extras, o suficiente para ganhar aproximadamente 1 kg. Foram entrevistadas 8.400 crianças e adolescentes entra 2 e 19 anos para chegar a essas conclusões. Uma em cada cinco crianças não bebem água e preferem tomar sucos, refrigerantes e outros líquidos açucarados. Não estão incluídos nesta pesquisa sucos feitos 100% de frutas, bebidas com adoçantes sem calorias e chás.

Sucos feitos 100% de frutas pode ser uma opção para evitar desidratação (Foto: reprodução / Getty Images)

O Departamento de Agricultura dos EUA afirmou que 10% das calorias diárias ingeridas pelas pessoas vem de açúcares adicionados. As crianças que não bebem água ultrapassam a quantidade, apenas consumindo bebidas açucaradas. Isso não significa que as crianças não possam tomar suco, pois pode ser uma ótima opção para mantê-las hidratadas no calor. Mas, quando se fala de suco, é importante que ele seja feito de frutas naturais, e só pode ser dado a bebês a partir de um ano de idade.

Como uma forma de reduzir a obesidade infantil, em abril do ano passado, o governo do Reino Unido aplicou um imposto sobre açúcar em refrigerantes, pois estas bebidas são a maior fonte de açúcar dietético. Nos Estados Unidos, são consumidas diariamente cerca de 143 calorias em bebidas açucaradas.

Os pediatras costumam indicar que os pais deem água aos filhos quando eles sentirem sede, pois defende o organismo da desidratação, que tem como sintomas: dores de cabeça, cansaço, tontura e fraqueza. Outros especialistas recomendam que a quantidade diária de água pode variar de acordo com o peso e a idade da criança. De acordo com o veículo Destak, para saber a quantidade de água a ser bebida, basta multiplicar o peso por 0,03.

Leia também:

Pra matar a sede: conheça as opções além da água

3 sucos nutritivos e coloridos para você fazer nas férias

3 em cada 10 crianças com menos de dois anos tomam refrigerante e sucos artificiais

Fique por dentro do conteúdo do YouTube da Pais&Filhos: