Crianças em casa: brincadeiras e atividade para filhos únicos se divertirem durante a quarentena

Separamos brincadeiras que não exigem brinquedos elaborados e fazem seu filho colocar a cabeça pra pensar!

Resumo da Notícia

  • O fim de semana está logo aí e é importante reforçar: fica em casa!
  • Para entreter seu filho, separamos algumas atividades para fazer
  • As crianças não terão desculpa para querer sair, é diversão garantida
Separamos brincadeiras que não exigem brinquedos elaborados e fazem seu filho colocar a cabeça pra pensar! (Foto: Getty Images)

Durante essa quarentena, não é nada fácil entreter as crianças com energia de sobra em casa o dia todo. Principalmente se você tiver apenas um filho. Fica muito mais difícil propor brincadeiras que sejam divertidas e lúdicas para a criança brincar sozinha, sem a participação dos pais e irmãos.

-Publicidade-

Em tempos em que a grande parte dos pais está em casa, mas trabalhando no esquema home office, separamos atividades para propor aos filhos únicos brincarem sozinhos. No máximo, você vai precisar de alguns minutos do seu dia para ensinar ou organizar a brincadeira com o seu filho! Olha só:

Desenho livre

-Publicidade-

Separe folhas de papel, canetas coloridas, tintas, pincel e deixe a imaginação tomar conta. Ao final da atividade, vale expor as obras-primas em uma galeria de arte da família.

Bolha de sabão

Faça a mistura simples de água com detergente e use o ingrediente secreto: uma colher de glicerina, que garante que a bolha não estoure na hora. Você pode reutilizar embalagens antigas ou usar uma tampa e arame. Quanto mais devagar a criança assoprar, maior ficará a bolha.

Mãos na massa

Quem não gosta de brincar de massinha? O melhor dela é que pode ser feita em casa. Você só vai precisar de uma xícara de sal, quatro de farinha de trigo, uma xícara e meia de água, três colheres de sopa de óleo e corantes alimentícios das cores que preferir. Depois, é só misturar tudo e, literalmente, colocar as mãos na massa!

Imaginação no comando

Sabe aquela caixa de papelão sem uso e jogada na despensa de casa? Você tem um grande aliado para a diversão em família e nem sabia! Com um pouco de cor, traços e, lógico, criatividade, ela pode ser transformada em avião, carro , casa, e o que mais a imaginação permitir. O mesmo vale para as revistas e gibis antigos. Essas folhas podem virar aviões de papel ou barcos à vela com simples dobraduras.

Casinha

Essa brincadeira pode ser feita em qualquer espaço e com diversos tipos de brinquedos, como bonecas e bichos de pano. A criança representa um papel social e pode inverte-los, por exemplo, cada hora uma é mãe e a outra a filha.

Dá para propor brincadeiras que sejam divertidas e lúdicas para a criança brincar sozinha, sem a participação dos pais e irmãos (Foto: iStock)

Boliche improvisado

Faça os pinos com garrafas pet, cheias até a metade. Depois, com uma bola, o jogador deve tentar derrubá-las. Em cada rodada, o participante pode tentar duas vezes.

Acampadentro

Dá para acampar dentro de casa, sim! Se você não tem uma barraca para as crianças se divertirem, pode improvisar com lençóis e cadeiras. É só pegar duas cadeiras, colocar uma em casa canto e pôr o lençol por cima. Isso pode até ser feito na sala, assim seu filho pode assistir um filme dentro da barraca!

Cinco Marias

Pegue cinco saquinhos de tecido e encha-os com areia ou arroz. Jogue as cinco marias no chão. Escolha uma, jogue para cima e pegue outra do chão, a tempo de pegar a primeira antes de cair. Na próxima rodada, jogue um saquinho para cima enquanto pega dois no chão e volta a recolher a primeira antes de cair. E assim sucessivamente.

Amarelinha

A brincadeira clássica de antigamente pode ser reproduzida dentro de casa! Basta desenhar os quadrados com fita isolante ou fita colorida no chão de casa ou apartamento. Faça o desenho da amarelinha no chão e enumere os quadrados de 1 a 10. A criança joga uma pedra na primeira casa e, em um pé só, a pula e vai até a última. Na volta, pega a pedra do chão. Na próxima rodada, joga a pedra na casa 2 e vai até o fim em um pé só. E assim sucessivamente. Não pode colocar o segundo pé no chão, nem errar a casa.

Código secreto

Aqui, a imaginação é o único material necessário. A ideia é que a criança crie uma nova língua, como a do p, em que se coloca a letra p na frente de cada sílaba da palavra. Vale propor o desafio ao seu filho de forma bem lúdica, contando uma história, como se fosse uma missão de um investigador.

Caçada ao tesouro

Deixe uma prenda escondida em algum lugar do ambiente. Em locais diferentes, coloque papéis que contenham as pistas que levarão ao tesouro. A primeira deve levar seu filho à segunda e assim sucessivamente até chegar na última, que será o prêmio. Esse jogo pode ser individual ou em equipe.

Agora, você pode receber notícias da Pais&Filhos direto no seu WhatsApp. Para fazer parte do nosso canal CLIQUE AQUI!

-Publicidade-