Em 2022, pelo menos quatro crianças foram vítimas de bala perdida no Rio de Janeiro

Dados divulgados pela plataforma Fogo Cruzado, apontam que, neste anos, pelo menos quatro crianças foram feridas por bala perdida no Rio de Janeiro

Resumo da Notícia

  • A plataforma Fogo Cruzado traz dados sobre tiroteios e disparos de armas de fogo
  • O site divulgou informações sobre a quantidade de crianças atingidas por bala perdida no Rio de Janeiro
  • Apenas neste ano, foi quase 1 criança por mês

A plataforma Fogo Cruzado, que notifica tiroteios e disparos de armas de fogo, afirma que neste ano de 2022, 4 crianças foram vítimas de balas perdidas no Rio de Janeiro. Uma delas morreu. A pauta ressurgiu após uma menina de 4 anos ser atingida na cabeça enquanto comprava pipoca na Zona Oeste do Rio. O caso ocorreu ontem, dia 1º de junho e a criança segue em estado grave.

-Publicidade-
Menina de 4 anos foi atingida por bala enquanto comprava pipoca
Menina de 4 anos foi atingida por bala enquanto comprava pipoca (Foto: Reprodução/TV Globo)

No dia 17 de abril, uma menina de 9 anos foi atingida por um disparo no olho na Vila Kennedy, também na zona oeste. Ela estava caminhando em uma rua da comunidade em que mora, ao lado da mãe e da avó, quando foi baleada e caiu no chão. O caso está sendo investigado pela 34ª DP, de  Bangu.

Um menino de 11 anos se feriu durante uma operação no bairro Jardim América, na Zona Norte, no dia 1º de abril. A PM informou que a criança foi atingida por estilhaços da bala, e que o suspeito morreu após ser baleado em um tiroteio.

Já no dia 6 de janeiro, uma criança de 6 anos morreu e outras duas se feriram em Queimados, na Baixada Fluminense. Dez crianças estavam ajudando na mudança de uma moradora do morro, e então, ocorreram disparos de arma de fogo. As balas atingiriam Kevin Lucas no tórax. Apesar de ter sido socorrido, ele não resistiu e morreu.

Menino de 6 anos morre e mais duas crianças são feridos por balas perdidas no Rio de Janeiro (Foto: Reprodução/UOL)