Escolas municipais do Tocantins tornam Libras uma disciplina obrigatória: “Tudo melhorou”

A matéria tem como objetivo facilitar as comunicações interpessoais entre os alunos

Resumo da Notícia

Porto Nacional, uma cidade do Tocantins, Incluiu Libras (Língua Brasileira de Sinais) como matéria obrigatória na grade curricular das escola municipais.
(Foto: reprodução / Razões Para Acreditar)

Porto Nacional, uma cidade do Tocantins, Incluiu Libras (Língua Brasileira de Sinais) como matéria obrigatória na grade curricular das escola municipais.

-Publicidade-

A decisão ocorreu no ano de 2018, hoje a estimativa é que as turmas do 4º e 5º ano do Ensino Fundamental possuem a disciplina, cerca de 2 mil estudantes.

(Foto: reprodução / Razões Para Acreditar)

“Desde o início do atual governo municipal, descobrimos uma grande comunidade de surdos em Porto Nacional. Para os surdos, o português é aquilo que eles podem ver, uma vez que não têm acesso às propriedades sonoras. Com a Libras, hoje temos um resultado positivo. Tudo melhorou, inclusive as relações comunicacionais”, explicou a diretora Gisele Cristine uma das responsáveis pela implementação da disciplina.

-Publicidade-

“A Secretaria Municipal da Educação incluiu a disciplina Libras nos 4º e 5º anos. Essa matéria é estudada por todos, com o objetivo de facilitar as comunicações interpessoais na sala de aula; com a família, em casa, e com a comunidade em geral”, concluiu sobre a importância do projeto.

Leia também:

Incrível! Casal de surdos tem parto de filho narrado por intérprete de Libras

Sobrinho estraga obra de 2500 libras e tia desabafa: “Quero que minha irmã devolva o dinheiro”

Papai Noel que se comunica em Libras e ajudante do Noel com síndrome de Down fazem sucesso com crianças

-Publicidade-