Criança

Estudo holandês conclui que fones de ouvido podem deixar seu filho surdo

É necessário controlar o tempo que a criança escuta músicas

Nathália Martins

Nathália Martins ,Filha de Sueli e Josias

(Foto: Shutterstock)

(Foto: Shutterstock)

Após analisar mais de 3 mil crianças entre 9 e 11 anos de idade, um estudo holandês da Universidade Erasmus identificou que 14% das crianças analisadas tiveram alguma dificuldade em ouvir em altas frequências. Por isso, a conclusão foi de que o uso de fones de ouvido em excesso pode prejudicar, sim, a audição das crianças.

A gente sabe que você provavelmente dá o celular para seu filho se distrair em lugares públicos, está tudo bem. Mas é necessário ter controle e não abusar do aparelho. “Isso é importante porque a perda auditiva é irreversível e, portanto, tem consequências para a vida toda”, explicou Dr. Carlijn le Clercq, autor da pesquisa, em entrevista para a Reuters.

“Os pais devem limitar o tempo de uso que os filhos escutam músicas nos celulares”, aconselha Kevin Franck, diretor de audiologia do Massachusetts Eye and Ear e da Harvard Medical School em Boston. Mas também vale lembrar que esse não é o único jeito que pode prejudicar a audição das crianças. De acordo com Colleen Le Prell, pesquisador de audiologia da Universidade do Texas em Dallas, shows ao vivo, ferramentas elétricas, cortadores de grama e outros equipamentos motorizados também podem ser prejudiciais.

Veja 7 dicas de matérias que mostram quais os cuidados devemos nos atentar sobre a audição das crianças.

1- Se a criança já está na idade de falar, mas não reproduz bem os sons, isso pode ser um problema de audição. Veja como detectar se seu filho está ouvindo bem;

2- Os cotonetes podem ser usados até nos recém-nascidos, mas é necessário cuidado. Saiba como usar da maneira correta;

3- As crianças têm o costume de querer colocar brinquedos no nariz, no ouvido e na boca. Veja o que fazer nessas situações;

4- Se o bebê não reconhece a voz da mãe ou não reage a sons fortes como quando o telefone toca, é importante ficar atento. Isso pode ser um sinal de que ele precisa de um fonoaudiólogo. Entenda como verificar;

5- A otite é uma doença causada por infecções das vias aéreas que podem surgir em decorrência de uma gripe. Descubra mais sobre a doença;

6- Acredite, muitos diagnósticos de distúrbios mentais podem ser confundidos com doenças físicas recorrentes, como a otite. Saiba os sintomas;

7– As dores de ouvido são mais comuns no verão. Veja por que e como prevenir.

Leia também:

Saiba como cuidar da sua audição e a do seu filho

Dia Mundial da Audição: veja como identificar problemas nas crianças

Veja 7 dicas de cuidados com a audição das crianças