Estudo mostra que gentileza e incentivo dos pais melhoram notas dos filhos

A pesquisa foi feita nas Universidades do Arizona, Oklahoma e Columbia, nos Estados Unidos

O seu filho precisa estar bem para conseguir boas notas (Foto: GettyImage)

Estudo revela que pais que enfatizam a gentileza e o incentivo têm filhos mais felizes, com melhores notas na escola e menos ansiosos e depressivos. Os pesquisadores de Psicologia Clínica das Universidades do Arizona, Oklahoma e Columbia, nos EUA pediram para que 506 alunos da sexta série classificassem o que eles acreditavam ser o mais valorizado pelos pais. A lista incluía três metas orientadas para a realização e três voltadas para o comportamento pró-social.

-Publicidade-

Eles chegaram a conclusão de que estudantes cujos pais valorizavam notas altas mais do que bondade para com os outros não obtiveram melhores notas, mas tiveram níveis elevados de estresse, principalmente se os pais eram muito exigentes e críticos.

O estudo também encontrou estudantes cujos pais estimulavam a bondade tanto ou até mais do que os resultados escolares. Nesses casos eles tinham níveis mais baixos de depressão e ansiedade, menos problemas de comportamento, maior auto-estima e notas superiores.

-Publicidade-

Os resultados também apontaram que a pressão por boas notas, a aceitação das melhores universidades, o sucesso financeiro, foram associadas a níveis elevados de estresse crônico, distúrbios e diminuição da qualidade de vida.

Os pesquisadores aconselharam ainda que os pais deveriam se concentrar em apoiar a criança está passando por dificuldades na escola. A melhor maneira de fazer isso é perguntar ao filho como pode ajudar, em vez de criticá-lo.

 

Leia também: 

Estudo mostra que cesáreas aumentam em 33% as chances do bebê desenvolver autismo

Estudo defende: mulheres que dão à luz depois dos 30 anos geram filhos mais inteligentes

Estudo comprova que racismo afeta crianças desde antes do nascimento

 

-Publicidade-