Criança

Hora do recreio! Aprenda como armazenar os alimentos na lancheira do seu filho

Essa é uma das etapas mais importantes para que tudo esteja 100% seguro antes de ser consumido

Jennifer Detlinger

Jennifer Detlinger ,Filha de Lucila e Paulo

(Foto: iStock)

(Foto: iStock)

A gente sabe como é a correria antes de levar o filho para a escola. E, em meio a tanta coisa, nem sempre dá tempo de montar a lancheira perfeita com alimentos nutritivos, saudáveis e atrativos para garantir que ele coma bem.

Mas, antes mesmo de pensar no que vai dentro dela, é preciso saber como preparar, guardar e colocar os produtos na lancheira do seu filho corretamente. Essa é uma das etapas mais importantes para garantir que a comida esteja completamente segura antes de ser consumida.

Conversamos com dois especialistas para esclarecer o que pode ou não quando o assunto é armazenamento de alimentos na lancheira das crianças: Renata Buzzini, nutricionista e mãe de Carlos Eduardo e Maria Luisa, e o biomédico Roberto Martins Figueiredo, mais conhecido como Doutor Bactéria.

A lancheira precisa ser térmica?

Se você escolher uma lancheira que não seja térmica, precisa ter em mente que nada que está dentro da geladeira pode ser colocado no lanche do seu filho. Mas, se você optar pela lancheira térmica, lembre-se que ela funciona como uma geladeira desligada e só conserva a comida por até 1 hora e 40 minutos. Portanto, o mais recomendado é usá-la com um doador de frio, que podem ser caixinhas, cubos ou placas com água congelada. Assim, ela mantém os alimentos fresquinhos por até 8 horas. Fique atento: se a comida sair direto da geladeira e for guardada em uma lancheira comum, só fica conservada de 40 a 60 minutos até que comece a estragar.

Como colocar as frutas na lancheira?

A dica principal é: quanto mais natural, melhor. Conforme a idade do seu filho, coloque apenas frutas inteiras na lancheira, que devem ser higienizadas e depois embrulhadas em papel filme. Mas caso ele seja pequeno ou esteja em fase de troca de dentes, o ideal é que elas estejam já cortadas. Para evitar a oxidação e o escurecimento de frutas em contato com o ar, vale picar em pedaços maiores e depois juntá-los no próprio formato da fruta e embalar tudo com papel filme — e não alumínio, já que ele aumenta ainda mais a oxidação do alimento.

Para frutas grandes como melão e melancia, corte em formato de triângulo e espete com um palito ou pazinha, igual um picolé. Outra dica é colocar as frutas picadinhas imersas em um caldo de laranja (feito com o suco, água e açúcar) num pote hermético — isso também evita o escurecimento de alimentos como a maçã, banana e pera.

O suco natural pode estragar?

O ideal é preparar os sucos de fruta pouco tempo antes da hora de levar seu filho para a escola, além de colocar o líquido em garrafinhas térmicas bem fechada. Se ficarem guardadas por muito tempo, as bebidas podem perder parte dos nutrientes.

Como armazenar os lanches salgados?

Os sanduíches, queijos e patês podem ser armazenados na geladeira e depois embalados em papel alumínio, para ficarem fresquinhos. O ideal é preparar os lanches no mesmo dia do consumo, mas se você estiver sem tempo, não se preocupe. Pode prepará-los na noite anterior, sim! Eles duram até 2 dias na geladeira sem estragar. Os queijos com menor teor de água, como mussarela, minas padrão e queijo-prato, são os mais indicados para a lancheira, já que não deixam o pão molengo. Passe longe de recheios que possam estragar rápido, como atum ou ovo. Outra dica é mandar o recheio do sanduíche em um potinho separado na lancheira, para ser colocado no pão somente na hora do consumo.

Preciso limpar a lancheira todos os dias?

Sim! A lancheira deve ser limpa diariamente para retirar todos os resíduos de alimentos. Coloque de 8 a 10 gotas de detergente para cada litro de água e use uma esponja macia para a limpeza. Uma vez por semana, é preciso lavar a lancheira usando uma solução de 2 colheres de sopa de água sanitária para cada litro de água, com um paninho. Se algum alimento deixar odores impregnados, vale passar uma pasta de bicarbonato de sódio no interior da lancheira  e depois enxaguar com água.

Leia também:

Aprenda como deixar a lancheira do seu filho mais colorida

De barriga cheia: 5 dicas de lanches para manter as crianças satisfeitas por mais tempo

Guerra nas lancheiras: Veja dicas para inovar na hora de montar o lanche do seu filho

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não