Criança

Já ouviu falar da adolescência da criança?

Essa fase é conhecida também como "terrible two"

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

(Foto: iStock)

(Foto: iStock)

A famosa, e temida, adolescência da criança, é a fase conhecida como “terrible twos”, que vai do 1 ano e meio até os 3. A teimosia, mau-humor, birras e gritos começam a aparecer exatamente nesses anos. E de deixar qualquer um de cabelo em pé, não é mesmo?

De acordo com a neuropsicóloga, Deborah Moss, mãe de Ariel, Patrick e Alicia, esse é um período de muitas alterações na mente da criança. “Nesta fase há um amadurecimento. A criança começa a aprender a falar, a compreender, e isso é uma mudança muito significativa. Começam a ter criatividade, muitas coisas começam a passar por suas cabeças”, explica.

Nesta idade, seu filho começa a entender que ele é um indivíduo que tem suas próprias vontades e  que pode lutar por elas. Começam a expressar suas vontades da maneira que podem. “Eles começam a ter vontades imediatas, que são diferentes dos pais, e querem que as coisas aconteçam na hora. Como não conseguem expressar bem o que querem, eles ainda reagem com choro e birra”, afirma a neuropsicóloga.

Eles ainda não conseguem entender que não terão tudo o que querem, no momento que querem, e a frustação chega em forma de birra, intolerância e choro -muito choro-. Então pensamos: o que fazer? “Os pais devem ficar na altura do filho (de joelhos ou agachados, por exemplo), falar olhando nos olhos e na linguagem deles, e dizer que esse comportamento não vai ajudar que consiga o que quer. As crianças procuram atenção, e, se os pais  perderem o controle no momento, elas vão entender que estão ‘ganhando’”, explica o psicólogo, Eduardo Coutinho Lopes. Fique tranquilo que essa fase não dura para sempre.

*Por Fernanda Ribeiro, filha de Keli Adriana e José

Leia também:

Eu, o Pedro e os “Terrible Twos”

Socorro, meu filho grita

5 dicas para lidar com a birra dos filhos na livraria

Você gostou desse conteúdo?

Sim Não