Mãe e filha são atropeladas em faixa de pedestres e policial tem atitude surpreendente: veja o vídeo

O sargento sentou no chão ao lado dela e começou a conversar até a chegada do Corpo de Bombeiros

Resumo da Notícia

  • Uma menina, de 7 anos, foi atropelada quando atravessava a faixa de pedestre com a mãe, em Goiânia.
  • O sargento Marcelo Marinho de Oliveira sentou no chão, fez carinho e conversou para deixa-la mais calma.
  • Segundo o Corpo de Bombeiros, a menina teve ferimentos leves e foi levada para uma unidade de saúde.

Um Policial Militar acalmou uma menina, de 7 anos, que estava muito nervosa após ser atropelada enquanto atravessava a faixa de pedestre junto com a mãe, em Goiânia, em uma avenida do Setor Parque Atheneu. O sargento Marcelo Marinho de Oliveira sentou no chão, fez carinho e conversou para deixa-la mais calma até a chagada do Corpo de Bombeiros, nesta segunda-feira, dia 2 de julho.

-Publicidade-
(Foto: Divulgação/Polícia Militar de Goiás)

“O atropelamento aconteceu na nossa frente. Ela estava nervosa, sentia dores na cabeça e no tórax, logo liguei para os bombeiros. Estava conversando com ela para que não dormisse. Contei histórias, perguntei onde ela estudava, aí foi acalmando”, contou o PM ao G1.

O gesto de empatia do PM comoveu os internautas e o vídeo viralizou, com a postagem repercutindo em vários portais de notícia e na transmissão da ação pelas emissoras de TV, como o programa Bom Dia Goiânia.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a menina sofreu ferimentos leves e escoriações, sendo levada depois a uma unidade de saúde. Sobre o incidente, a Polícia Militar disse que o motorista não tinha visto as duas atravessando a pista, pois estava seguindo na passagem de ônibus. Ele parrou o carro, ajudou a prestar sororoco e não precisou ser levada para a delegacia.