Médico faz gibi para tirar dúvidas de crianças antes da cirurgia e o resultado é mais que positivo

A iniciativa também objetivo de acalmar tanto os pais quanto os filhos

A iniciativa foi muito bem aceita pela comunidade e familiares (Foto: reprodução/G1/Tribuna de Jundiaí)

Tem pessoas que nascem com o dom da profissão. Esse é o caso de Márcio Lopes Miranda. O especialista em cirurgia pediátrica foi além das tarefas médicas e teve uma ideia incrível para tranquilizar as crianças nos momentos antes da cirurgia. Ele criou um gibi com várias informações tanto para os pais quanto para os filhos.

A inspiração para fazer o livro veio com as conversas com os familiares nas consultas. A ansiedade e o nervosismo eram perceptíveis e ele encontrou no objeto uma forma de segurar essa tensão. O objetivo real com a iniciativa é ter um contato mais humano que vai além das diretrizes e aulas técnicas.

Para conseguir colocar em prática e expandi-lo, o especialista teve ajuda das famílias que foram beneficiadas pelo gibi. “O pai de um paciente é artista gráfico e a mãe de um outro paciente é escritora de livros infantis. Eles se interessaram em fazer o projeto ganhar vida“, explicou ao G1.

O formato foi escolhido por facilitar a comunicação, com textos curtos e ilustrações coloridas. Os gibis são oferecidos gratuitamente em hospitais públicos e privados de Jundiaí, São Paulo. “Procuramos contar para uma criança a história de outra criança, desconstruindo a linguagem médica. O paciente, pais, avós, tias e familiares também se sentem mais acolhidos e tranquilizados“, contou ao portal de notícias.

E realmente, a ideia tem funcionado e muito bem, tendo já diferenças no retorno do paciente ao consultório. E deu tão certo que se expandiu do hospital, com as crianças contando para outros colegas de escola. Por isso, já está sendo preparada uma segunda edição do gibi que deve ser lançada nesse final de semana.

O doutor Márcio Miranda está feliz com o resultado e garante que o projeto não tem fins lucrativos, apenas a intenção de responder de forma lúdica e simples as dúvidas das crianças e adultos sobre as cirurgias. “Todos os serviços públicos e privados aprovaram o projeto. O mais importante foi a aceitação familiar, independente da cultura ou classe social”, finalizou.

Aproveitando o Dia dos Pais, os pais da redação deixaram um recado em vídeo. Confira:

Leia também:

Turma da Mônica: gibis desde 1950 estão disponíveis em aplicativo e deixa leitura em família muito mais legal

Menino que nunca saiu do hospital ganha festa de 1 ano de médicos

Mãe decide comemorar aniversário do filho em hospital que trata crianças com câncer e diversão é garantida