Médicos encontram elástico dentro do braço de menina de 4 anos e fotos são de tirar o fôlego

Os avós da criança a levaram às pressas para o hospital depois de perceberem que o braço da neta não parava de inchar

Resumo da Notícia

  • Uma ferida vermelha começou a aparecer no braço de Lele
  • Os avós levaram a menina às pressas para o hospital depois que o "machucado" começou a inchar
  • Quando realizaram um raio-x, os médicos acharam um elástico dentro do braço da criança
  • A família não percebeu que a menina havia colocado o objeto e a pele começou a crescer por cima
Eles encontraram o objeto com um raio-x (Foto: reprodução / Bebê Mamãe)

A avó de uma menina, de quatro anos, começou a ficar desesperada quando viu um círculo vermelho enorme aparecer no braço da neta. Assim que a “ferida” começou a inchar, ela foi levada às pressas para o hospital e descobriram que tinha um elástico por dentro da pele da criança! Identificada apenas como Lele, a criança e a família vivem na província de Zhejiang, na China.

-Publicidade-

Assim que começaram a suspeitar de um corpo estranho, os médicos notaram que não seria um machucado, mas sim um elástico! De início, a família de Lele duvidou, mas deixaram que os profissionais fizessem um raio-x para identificar o problema. Como previsto, o exame apontou de que realmente o objeto estava ali.

Que perigo! (Foto: reprodução / Bebê Mamãe)

Para a retirada, os médicos precisaram fazer uma cirurgia e ficaram assustados ao tiraram o elástico. Como constatação, os profissionais acreditam que a criança tenha colocado o objeto no braço, sem que os avós vissem, e como estava muito apertado, a pele acabou crescendo ao redor dele. Que aflição!

-Publicidade-

Dr. Ye, responsável pelo caso no hospital de Zhejiang, contou que nunca viu isso em 20 anos de profissão. Ele ainda comentou que pode ser uma tradição das famílias amarrarem um elástico ou fita nas crianças como uma forma de proteção. “Alguns elásticos ou fitas podem acabar penetrando na pele da criança e há crianças que são pequenas demais para avisarem os responsáveis sobre o que está acontecendo”, falou o médico á imprensa local. Apesar do susto, Lele está bem e em casa.

-Publicidade-