Menina de 7 anos que sobreviveu a tornado, que matou irmã, aprende a andar novamente

Avalinn Rackley sobreviveu a um tornado que matou uma das irmãs, deixou a outra e a mãe hospitalizadas

Resumo da Notícia

  • Avalinn Rackley sobreviveu a um tornado
  • O tornado matou uma irmã de Avalinn e deixou a mãe ferida
  • A menina está aprendendo a andar novamente

Avalinn Rackley sobreviveu a um tornado que atingiu as cidade de Kentucky e Missouri, o acidente matou a irmã mais nova dela, e deixou a irmã mais velha e mãe hospitalizadas em estado grave, além de ser toda a sua casa destruída pelo tornado. A menina ficou ferida e precisou passar por uma cirurgia na última quarta-feira (15). Após o procedimento, ela já começou a reaprender a andar com auxílio de um andador.

-Publicidade-

Em entrevista ao Daily Mail, a tia-avó da menina, Sandra Hooker, 62, contou que o estado da mãe das garotas, Meghan, 32, é bem grave, pois ela sofreu uma lesão cerebral e está lutando pela vida. A situação da família Rackley chamou a atenção do país quando uma foto mostrou Avalinn e suas irmãs Annistyn, 9, e Alanna, 3, se abrigando em seu banheiro, quando mais de 30 tornados devastaram vários estados do EUA na semana passada, matando pelo menos 88 pessoas.

A menina está voltando a andar aos poucos após tornado
A menina está voltando a andar aos poucos após tornado (Foto: Reprodução/Daily Mail)

Um dos tornados atingiu a casa da família Rackley, em Caruthersville, e jogou as meninas e seus pais, Meghan e Trey, 37, em um campo, matando Annistyn e ferindo gravemente Avalinn e Meghan. Felizmente, Trey e Alana sofreram ferimentos menos graves e receberam alta do hospital. A mãe, que entrou em coma, foi hospitalizada, devido a um traumatismo cranioencefálico grave.

Sandra Hooker disse que a filha mais nova do casal está se recuperando bem e os médicos já removeram um dos dois drenos em suas costas, colocados na cirurgia. Quanto à pequena Avalinn, sua situação também está melhorando aos poucos. Em uma postagem no Facebook sobre a sessão de fisioterapia da garota de 7 anos, a avó Pamela Moore escreveu: “Ela tem sido uma menina muito corajosa, conquistou o coração de todos neste hospital. E tem sido tão forte. Só sei que sua irmã mais velha, Anni, está com ela. Eu posso sentir isso”.

Avalinn está se recuperando aos poucos
Avalinn está se recuperando aos poucos (Foto: Reprodução/Daily Mail)

Quando a equipe de emergência localizou a família, logo, levou os membros para o hospital mais próximo. “Eu estava voando em torno do tornado e orei para Jesus cuidar de mim e o tornado me cuspiu na lama”, lembra Avalinn. Após o acidente, a comunidade continua dando apoio para todos da família e até fizeram uma página de financiamento coletivo para ajudar a cobrir as despesas funerárias e médicas.