Menina que estudava em caixas de papelão ganha bolsa de estudos em escola

O caso aconteceu na cidade de Trujilo, no Peru. Uma menina foi flagrada estudando com uma mesa improvisada de papelão enquanto o pai trabalhava lavando carros

Resumo da Notícia

  • Uma menina foi flagrada estudando com caixas de papelão
  • Ela foi gravada em um vídeo que foi publicado na Internet
  • O representante de uma escola a ofereceu uma vaga para estudar

Na cidade de Trujilo, no Peru, uma menina comoveu a Internet após ser flagrada estudando embaixo de caixas de papelão enquanto o pai trabalhava lavando carros.

-Publicidade-
A menina estava estudando com uma mesa de papelão improvisada pelo pai
A menina estava estudando com uma mesa de papelão improvisada pelo pai (Foto: Reprodução/ Mega Noticia)

Maíra estava com uma mesa de papelão improvisada pelo pai, que não tinha onde deixar a criança para ir trabalhar. Por mais que estivesse estudando, a menina não havia conseguido uma vaga para ir à escola, e a mesa improvisada de papelão foi o jeito encontrado pelo homem para que a filha não deixasse de aprender.

(Foto: Facebook/@beneficenciatrujillo)

Um cliente do pai de Maíra percebeu a situação e gravou a menina estudando com as caixas de papelão. Ele publicou o vídeo na Internet, que chegou até Fernando Calderón, um representante do Colégio Hermanos Blanco. Para o portal de notícias peruano Mega Noticias, Fernando disse: “Entrei em contato com o gerente geral da Sociedade Benevolente de Trujillo para poder aprovar uma bolsa integral para a menina aqui na escola, onde ela é totalmente isenta de mensalidades”.

Além disso, o representante contou que seria concedido tudo o que a menina precisaria para frequentar a escola:“Da mesma forma, seria concedido, por meio de empresas privadas, uniforme completo, moletom, uniforme para dias normais e material escolar”. Fernando também contou que o pai da menina conseguiu um emprego perto da filha: “Também estamos apoiando o papai, ele ganhou um emprego aqui para poder cuidar da filha, ficar perto dela, e ele vai ser nosso vigilante”.