Menino de 10 anos morre após saltar de brinquedo em parque de diversões de São Paulo

Segundo familiares, Murillo estava acompanhado de outra criança, mas a fatalidade foi ao garoto de 10 anos

Resumo da Notícia

  • Garoto de 10 anos é morto em acidente dentro de parque de diversões localizado na capital de São Paulo
  • O ocorrido veio à tona pelo fato da criança ter 'pulado' do brinquedo enquanto este ainda estava em operação
  • A instituição onde Murillo estudava prestou homenagens, assim como familiares e amigos organizaram um protesto pela vida da vítima

Um menino de 10 anos morreu após sofrer um acidente em um parque de diversões na avenida Padre Arlindo Vieira, Jardim Vergueiro, na zona sul de São Paulo. A fatalidade ocorreu na noite deste sábado, 30 e, de acordo com a Secretaria de Segurança Pública (SSP), os policiais civis foram informados de que Murillo Santos estava em um dos brinquedos quando este pulou de sua cadeira enquanto o equipamento ainda estava realizando a parada.

-Publicidade-
O garoto chegou a ser socorrido ao Hospital Saboya, mas acabou não resistindo aos ferimentos (Foto: Acervo pessoal)

Em informações ao veículo g1, uma familiar deu mais detalhes sobre o inesperado acidente. “Quando ele estava saindo do brinquedo com o amigo, o brinquedo voltou a funcionar com eles descendo. Era para ser duas tragédias, mas o amigo dele conseguiu escapar. O Murillo já não conseguiu. Ele era uma criança super carinhosa amorosa”, contou Jéssica Brandão.

Neste domingo, 31, parentes e amigos foram até a frente do parque onde aconteceu a fatalidade para um protesto pela morte da criança. O acidente também foi um grande assunto nas redes sociais. O caso foi registrado como morte suspeita e queda acidental pelo 26º Distrito Policial, o qual requisitou perícia.

Nesta segunda-feira, 1, a EMEF Hercília de Campos Costa, instituição onde Murillo estudava, suspendeu as aulas no período da manhã do 1° ao 5° ano. O corpo de Murillo está sendo velado no cemitério São Pedro, localizado na Vila Alpina.

Homenagem feita pela escola onde Murillo estudava (Foto: Reprodução/TV Globo)

A prefeitura de São Paulo, por meio da Subprefeitura Ipiranga, também prestou solidariedade à família do garoto: “A gestão municipal lamenta profundamente o acidente ocorrido com a criança e se solidariza com os seus familiares”, afirmou. Já a administração do parque não se posicionou sobre o ocorrido e a previsão atual do ambiente é de ficar aberto até o próximo domingo, 7. A organização ainda não informou se a programação irá continuar operando normalmente.

“Seca as tuas lágrimas e se me amas, não chores mais, o teu sorriso é a minha paz. Vai em paz, Lilo”, escreveu um familiar.

Assista agora ao POD&tudo com Marcos Piangers e Ana Cardoso! Em um bate papo muito divertido, eles falam da estreia do filme “O Papai é Pop”, inspirado no best-seller de Piangers, interpretado por Lázaro Ramos e Paolla Oliveira, que estreia no próximo dia 11 de agosto.