Criança

Menino guarda dinheiro de mesada da mãe para ajudar o amigo e história emociona

Thaeme ganha dólares da mãe por cada tarefa de casa feita

Ingrid Campiteli

Ingrid Campiteli ,filha de Sandra e Paulo

 

 

Tyler ficou incrédulo quando colocou os óculos pela primeira vez. (Foto: Reprodução /Jornal The Denver Channel)

Thaeme, de 11 anos, é um menino que está na quinta série do colégio americano e ganha um dinheirinho dos pais quando faz as tarefas de casa. Mas o mais impressionante foi o que ele fez com toda a mesada guardada.

Seu colega de classe, Tyler Muhr, é daltônico, e Thaene sabia o que isso causava e queria poder ajudar. Por isso, a mãe contou que ele começou a fazer mais atividades da escola em casa para juntar o dinheiro.

Após conseguir acumular 100 dólares, pediu para a mãe comprar os óculos para pessoas daltônicas. Eles ajudam a corrigir as falhas que causam a dificuldade de diferenciar a cor vermelha e o verde e, com menos frequência, o azul e o amarelo.

Ao ganhar os óculos, Tyler pegava um guardanapo de arco-íris e não acreditava no que estava vendo, ficou realmente impressionado com a novidade.

A mãe do menino que ganhou o presente, Julie, trabalha na escola onde os dois estudam, e por isso conseguiu assistir toda a cena do filho vendo pela primeira vez o mundo com todas as cores. “Eu acho que é maravilhoso o que Thaeme fez. Para um menino de 11 anos, isso é maravilhoso”.

Thaeme, é claro que agradeceu muito emocionado com o momento. “Dar um presente é melhor do que receber. Quando você dá, você também ganha.”, disse o menino sobre o presente.

Assista abaixo ao vídeo:

Outro momento especial 

Nickollas Grecco veio ao mundo com apenas cinco meses de gestação. A prematuridade do menino impediu a formação das retinas, por isso ele não enxerga.

O menino do time Palmeiras, assistia aos jogos no estádio com a mãe, Silvia narrando toda a partida, já que não conseguia ver os lances, conseguia senti-los como poucos. A televisão acabou filmando o momento da narração, viralizando nas redes sociais até chegar no jogador atacante Deyverson.

O atacante deu um presente para o menino: Um óculos adaptados que transforma imagens em áudio. “É um equipamento que tem um dispositivo que captura imagens em uma máquina fotográfica. Essa fotografia é escaneada através de um computador e por fim tem o áudio. Você prende o equipamento nos óculos por um ímã e dessa forma consegue ler qualquer texto em qualquer superfície e distância”, explica Daron Sadka.

O óculos não apenas lê placas de ruas e livros em diversos idiomas, ele também captura rostos e nomeia, reconhece dinheiro, código de barra, produtos, cores.

O menino ganhou um mega presente do Palmeiras (Foto: Reprodução vídeo)

Leia também: