Criança

Miguel Falabella lança seu primeiro livro infantil: “As crianças têm uma relação próxima comigo”

O ator aceitou o convite da ilustradora Vivian Suppa para juntos darem vida a "Charlotte no Reino das Fadas do Dente"

Jéssica Anjos

Jéssica Anjos ,filha de Adriana e Marcelo

(Foto: CLAUDIO PEPPER)

Miguel e Suppa são amigos há muitos anos e sempre tiveram vontade de desenvolver um projeto juntos (Foto: CLAUDIO PEPPER)

Imagina, aos 7 anos, você receber um presente especial das fadas do dente: óculos mágicos que mostram como a vida deveria ser, e não como ela é. Essa é a história da personagem Charlotte Lunette, que agora viverá uma nova aventura escrita por Miguel Falabella e ilustrada por Vivian Suppa no livro “Charlotte no Reino das Fadas do Dente”. Dessa vez, a menina vai descobrir de onde vieram seus óculos incríveis e por que ela foi escolhida para cuidar deles. O lançamento da obra será dia 5 de setembro, em São Paulo, na Livraria da Vila da Alameda Lorena, no bairro dos Jardins, às 17h30.

Esse é o primeiro livro infantil escrito por Miguel, filho de Maria e Edmo. “As crianças sempre tiveram uma relação muito próxima comigo, até dos meus personagens antipáticos elas riem e fazem graça”, comenta. Segundo o escritor, o universo infantil faz parte da sua vida há muito anos ele se declarou leitor voraz do Sítio do Picapau Amarelo. Ele defende que a literatura é fundamental para o desenvolvimento da criança, tem que fazer parte! Quando recebeu o convite de Suppa para conhecer a personagem Charlotte foi amor a primeira vista. “Estou apaixonado por ela”.

Miguel falabella

O ator sempre foi um leitor voraz do Sítio do Picapau Amarelo (Foto: CLAUDIO PEPPER)

A inspiração do ator para escrever vem fácil, porque é preciso deixar uma mensagem para as crianças. “No mundo em que estamos vivendo há uma necessidade de recuperar a poesia e um olhar mais humanista. Todos nós somos um pouco Charlotte, desejamos um lugar melhor para viver”, compartilha.

A vontade de Miguel é poder tocar o coração das crianças através da leitura. “Essa geração é muito mais consciente sobre o futuro que elas esperam. Eles sabem que precisam transformar radicalmente a estrutura social para alcançar um mundo melhor”, comenta. De acordo com o escritor, Charlotte nos ajuda a enxergar essa necessidade e transforma seus leitores em agentes de transformação.

Onde tudo começou

A personagem foi criada pela artista plástica, autora e ilustradora Vivian Suppa, mãe de Charlotte e Romain. “Essa história começou assim: minha filha Charlotte veio conversar comigo numa noite em que não conseguiu dormir. Ela estava nervosa e inquieta e me questionou sobre o poderia fazer para mudar algumas coisas que considerava injustas”, relembra. Como solução, Suppa sugeriu que as duas escrevessem um livro com uma personagem de óculos mágicos que mostravam como o mundo deveria ser. O primeiro livro “Os Óculos Mágicos de Charlotte” foi lançado em dezembro de 2016 também pela editora Callis e adotado por diversas escolas na grade curricular.