Criança

Projeto Dodói permite tratamento mais humanizado para crianças com câncer

A campanha #ExisteUmJeitoMelhor quer arrecadar 100 mil reais para comprar novos materiais para o Kit Dodói

Gabrielle Molento

Gabrielle Molento ,Filha de Claudia e Pedro

projeto-dodoi-ajuda-no-tratamento-humanizado-das-criancas-com-cancer

(Foto: Divulgação)

O Projeto Dodói, que foi idealizado pela Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia (Abrale) e pelo Instituto Mauricio de Sousa, surgiu há mais de 10 anos para humanizar o tratamento do câncer infantil e facilitar o contato entre a criança hospitalizada e a equipe de saúde.

Ele está presente em mais de 40 hospitais em diversos estados do país e aborda, de forma clara e objetiva, os conceitos do câncer e suas fases de tratamento. Isso facilita com que a criança entenda suas necessidades – tanto físicas quanto psicológicas – de forma lúdica e leve, lidando melhor com a doença.

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

Enfermeiros, psicólogos, médicos e outros profissionais da saúde da equipe Abrale desenvolveram diferentes conteúdos e atividades para os 3 públicos beneficiados com o projeto – crianças, cuidadores e profissionais da saúde. A equipe do Instituto Maurício de Sousa transformou esse conteúdo em um kit super legal que contém boneco da Mônica ou Cebolinha, brinquedos médicos, gibis, cartazes e cartões. Foram criadas também duas novas personagens: Maria e Sol, que têm leucemia e linfoma, respectivamente.

“A situação da doença e a necessidade de hospitalização na infância provocam repercussões psicossociais importantes e intensas na vida da criança. Ao brincar, ela pode recuperar capacidades, desenvolver senso de controle, exercitar a flexibilidade e a espontaneidade, reparar frustrações, exercitar mecanismos de adaptação, melhorar seu desempenho e recuperar a capacidade de diversão e motivação”, ressalta  Merula Steagall, presidente da Abrale.

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

Mais de 4.600 crianças já foram beneficiadas com o Projeto Dodói e cerca de 194 profissionais de saúde foram capacitados para sua aplicação.

A campanha

Lançada no início desta semana, a #ExisteUmJeitoMelhor tem por objetivo captar R$ 100 mil reais para a compra de novos materiais do Kit Dodói, que neste momento estão em falta no estoque. O projeto é parte de uma ação maior, que visa oferecer um tratamento mais humanizado a 3 mil crianças de todo o Brasil. Para contribuir é só acessar www.dodoi.abrale.org.br e doar o valor que melhor couber em seu bolso.

Leia também:

Menina com câncer realiza sonho de ter uma boneca

Jogo ajuda crianças a lidar com o câncer

Quatro amigas recriam foto juntas depois de vencerem o câncer