Síndrome se torna comum entre crianças na Europa e autoridades estudam relação com coronavírus

Os casos de menores de idade com doença inflamatória grave aumentaram na França, Italia, Suíça e Inglaterra durante a pandemia mundial

Resumo da Notícia

  • Síndrome se torna comum entre crianças na Europa e preocupa autoridades
  • Pesquisadores estuda a relação da doença com o novo coronavírus
  • Os sintomas são parecidos com a doença de Kawasak
  • Veja o que é essa doença
Novo síndrome aparece entre crianças na Europa (Foto: Getty Images)

O Ministro da Saúde da França, Olivier Véran, falou nesta quarta-feira, 29 de abril, sobre o aparecimento de casos de crianças com doença inflamatória grave no país. Ele garantiu que está muito preocupado com a situação e disse que ainda não há provas que associem a síndrome ao novo coronavírus.

-Publicidade-

As autoridades de saúde britânicas lançaram na segunda-feira, 27 de abril, um alerta sobre o aumento do número de crianças com sintomas parecidos com a doença de Kawasaki, uma síndrome vascular cuja causa permanece desconhecida.

Segundo a Agência Brasil, casos parecidos também foram registrados na Itália, Espanha e Suíça. Em Paris foram detectadas 15 crianças, de todas as idades, com sintomas da doença.

-Publicidade-

“Têm febre, distúrbios digestivos e inflamação vascular generalizada, o que pode causar insuficiência cardíaca [mas] que eu saiba, felizmente nenhuma criança morreu dessas doenças raras”, contou o ministro.

Algumas dessas crianças na França e na Inglaterra tinham testado positivo para o coronavírus, porém não todas. Olivier Véran deixou claro que pretende “mobilizar a comunidade científica e de saúde da França e no estrangeiro para obter o máximo de dados possível que permitam verificar se há motivos para estabelecer uma ligação entre o coronavírus e esta condição”.

-Publicidade-