Lia Bock reforça a importância de pegar leve durante bate-papo no 12º Seminário Internacional Pais&Filhos

A jornalista e escritora tem quatro filhos e uma enteada. Ela comandou a conversa que está acontecendo hoje, com transmissão online em tempo real

Resumo da Notícia

  • A 12º edição do Seminário Internacional Pais&Filhos traz o tema "O que de verdade importa"
  • A jornalista Lia Bock  trouxe uma palestra sobre "Menos é menos"
  • Você pode acompanhar a programação e assistir o vídeo ao vivo gratuitamente

A 12º edição do Seminário Internacional Pais&Filhos está imperdível! O evento traz o tema “O que de verdade importa”, contando com palestras, mesas-redondas, bate-papos, sorteios e muito mais durante 8 horas seguidas!

-Publicidade-

Nossa palestrante Lia Bock chegou com tudo trazendo o tema “Menos é menos”. Ela é jornalista, escritora, mãe de Ernesto, Matias e das gêmeas Tulipa e Amora, e madrasta de Cora. Atualmente, atua como comentarista na CNN Brasil e editora-chefe do portal de conteúdo da Mina Bem Estar.

Lia Bock comandou a palestra "Menos é menos" no 12º Seminário Internacional Pais&Filhos
Lia Bock comandou a palestra “Menos é menos” no 12º Seminário Internacional Pais&Filhos (Foto: Divulgação)

“Menos é menos e ainda bem! Está tudo bem”, iniciou Lia Bock. O papo superdescontraído trouxe uma nova perspectiva sobre o “tempo de qualidade” e a busca pela felicidade.

“O que é o tempo de qualidade?”, perguntou Lia. “A mãe que buscou o filho na escola, deu banho, deu jantar, que chega no fim do dia esgotada. Isso é tempo de qualidade?”, ironizou.

A mediadora Andressa Simonini, nossa editora executiva e filha de Branca Helena e Igor, concordou com a jornalista “Super mãe não existem por aqui”, comentou.

Para Lia, o que na verdade importa é aproveitar o tempo com qualidade, fazendo aquilo que te faz feliz. “Eu acho que na verdade precisamos dar qualidade para o tempo que a gente tem”.

Esse tempo que os pais tiram para si mesmos, fazendo coisas que eles realmente gostam e não apenas atividades infantis com os filhos, faz toda a diferença. “Se tudo vira um sacrifício a vida fica puxada”, afirmou Lia. Por isso é importante dar qualidade ao tempo só seu também.

Em meio a rotina corrida dos pais é importante saber encontrar prazer em cada atividade. “A felicidade ganhou um contexto muito importante. A gente tem que viver a felicidade dentro de todas as coisas”, disse.

É na busca pela felicidade que a culpa precisa cair por terra. Lia percebeu que, de certa forma, a pandemia veio e tirou das costas de muitos pais o peso de sentir culpa. “Ela despejou na gente tantas preocupações que a gente não tem nem mais tempo de se sentir culpada”, falou.

Assista ao Seminário

O evento está sendo transmitido ao vivo online através do Facebook e YouTube da Pais&Filhos. Além disso, no Instagram, também mostramos os bastidores e flashes do Seminário.

O tema do 12º Seminário: O que de verdade importa

O caminho do meio, a escuta atenta, o diálogo, a presença. Em tempos de tanta polarização, tudo isso está em falta também na parentalidade. De um lado, existe uma opinião. Do outro, uma outra visão. Você fala, mas nem sempre tem a certeza que te escutam. Falam com você, mas muitas vezes você nem ouve.

E no meio desse ringue, sobram as mães sobrecarregadas e exaustas, pais sem poder de fala e filhos não sendo ouvidos. Nas famílias, chegam informações de todos os lados, cobranças, medos, julgamentos, culpa e autopunição. Com o tempo, todos esses sentimentos acabam virando faísca para uma bomba relógio que pode explodir a qualquer momento.

Qual é então o verdadeiro propósito da parentalidade? É criar para a vida. Ensinar e ser ensinado. Dar as mãos e mostrar o caminho. Em tempos de tanta incerteza, a certeza que fica é a de entender o que é essencial para você e a sua família. Vamos juntos nessa busca de encontrar a felicidade, que pode estar na sua cara. É preciso apenas estar aberto para ela.

Acompanhe a programação

11h – Abertura

11h30 – Mesa-redonda 1 | O blá, blá, blá não é de mentira | Silvia Lobo, @silvialobo5, Telma Abrahão, @telma.abrahao, Vivian Rio Stella, @viviriostela, e Isabel Fillardis, @fillards

13h – Bate-papo 1 | O essencial é invisível aos olhos | Nathalia Santos, @nathaliasantos

14h – Palestra | E se só existisse amor? | Marcos Piangers, @piangers

14h45 – Palestra | Menos é menos | Lia Bock, @liabock

15h50 – Palestra | Filhos de todo um mundo | Melinda Blau, @melindablau

16h40 – Mesa-redonda | A voz que vem de dentro | Amanda Pereira, @amandapereira, e André Polonca, @andrepolonca, Vinicius Campos, @viniciuscamposoficial, e Eduardo Lagreca, @edilagreca Mariana Felício, @marianafelicioreal e Daniel Saullo, @danielsaulloreal

18h – Pocket show | Maneva

19h – Encerramento